O Corinthians continua observando o mercado da bola para reforçar a equipe na próxima temporada. Além de acertar com o meia-atacante Luidy, do CRB, o Timão também estuda a possibilidade de repatriar o meia Jadson, que atua no Futebol chinês.

O mercado de 2016 está com a janela de transferências fechada. Desta forma, os dirigentes corintianos continuam de olho em atletas que possam reforçar a equipe em 2017, já que o intuito da direção alvinegra é negociar com novos jogadores o quanto antes, para que a atual temporada não se repita no ano que vem.

Publicidade
Publicidade

Portanto, o Corinthians ainda não tem um novo comandante para a equipe, pois o presidente Roberto de Andrade ressaltou que Fábio Carille pode não ser o treinador na próxima temporada. Entretanto, o nome de Vanderlei Luxemburgo ganhou força nos bastidores do Timão, porém, o mandatário alvinegro negou qualquer tipo de interesse do clube em contratá-lo. Por outro lado, Vanderlei se diz preparado e disposto para comandar o Corinthians.

Mas a principal preocupação do Corinthians é a chegada de novos reforços.

Publicidade

E de acordo com João Carlos Assumpção, o Janca, que é blogueiro e colunista do portal "Lance!", o Timão deveria se preocupar em contratar novos jogadores para o setor ofensivo. Assim, os jogadores que têm capacidade para defender o clube do Parque São Jorge são: Walace, do Grêmio; Nenê, do Vasco; Sassá, do Botafogo; Blandi, do San Lorenzo.

O volante Walace, do Grêmio, faria o papel de marcador e ainda teria a responsabilidade de sair jogando. Seu atual vínculo com o tricolor gaúcho é válido até 2018.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Corinthians

Ele também ganhou um aumento salarial após conquistar a medalha de ouro nas Olimpíadas do Rio de Janeiro. Sua multa rescisória também foi aumentada, já que o intuito gremista é valorizar ainda mais o atleta.

O meio-campista Nenê, do Vasco, tem contrato válido até dezembro de 2018. Ele vem se destacando no Campeonato Brasileiro, na Série B. Assim, o valor de sua multa é bastante elevado e ele não deve deixar o cruzmaltino.

O atacante Nicolás Blandi, do San Lorenzo, é conhecido por ter um futebol de muita raça e já chegou a ser cogitado no Timão.

Seu vínculo com o clube argentino é válido até 2019 e, recentemente, o San Lorenzo comprou mais 50% de seus direitos federativos. Desta forma, uma futura negociação chega a ser inviável.

O atacante Sassá, do Botafogo, tem contrato firmado com a equipe carioca até o fim de 2017. Contudo, o jogador já chegou a ser cogitado no Timão e caso haja uma certa "amizade" entre os clubes, Sassá deve ser anunciado no clube paulista na próxima temporada.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo