Pelé completa76 anos, amanhã, 23 de outubro. Mas será que ainda podemos chamá-lo de Rei do Futebol depois de todo esse tempo?

Edison Arantes do Nascimento nasceu em Minas Gerais, na cidade de Três Corações. É filho da Dona Celeste e Dondinho, a quem Pelé dizia ser o seu maior incentivador.

Depois de breve passagem pelo juvenil do Bauru Atlético Clube, Pelé foi ficando cada vez mais popular entre os fãsque acompanhavam suas partidas amadoras, até que o meia-direita da seleção, Waldemar de Britto, assistiu a um de seus jogos e logo o levou para o Santos Futebol Clube. Com apenas 15 anos, já treinava com os profissionais.

Não demorou muito para Peléser titular e nunca mais sair. Aos 16 anos de idade ele foiconvocado pela primeira vez a defender o Brasil pelo técnico Sílvio Pirilo, em 1957.

Na Copade 1958, foi convocado com apenas 17 anos. Sófoi reserva nos dois primeiros jogos da campanha que acarretou no título inédito para o Brasil.Pelé marcou incríveis 6 gols no torneio, sendo dois deles na grande final contra a anfitriã Suécia, em jogo que terminou com a vitória da seleção brasileira por 5 a 2.

A volta aoBrasil foi um marco para o desporto nacional e a figura dePelé, um dos grandes responsáveis pelo feito histórico, marcou de vez o nome do ainda garoto como um dos maiores jogadores do mundo já naquela época.

Apesar de várias propostas para jogar na Europa, o filho de Dondinho continuou jogando em terras tupiniquins e sempre com a camisa do Santos, sendo sempre o principal jogador da equipe que contava com ótimo elenco.O Santos de Pelé teve um enorme sucesso, além de vários títulos regionais e nacionais, mas podemos destacar ainda vários feitos do time da vila em terras estrangeiras, como os bi-campeonatos da Taça Libertadores da América e do Mundial de Clubes.

Pelé ainda disputou as copas de 1962, no Chile, onde o Brasil sagrou-se bi-campeão mundial e a copa 1966, na Inglaterra, vencida pelos donos da casa. Depois de anunciar que não jogaria mais nenhuma Copado Mundoao final do torneiode 1966, o então técnico e amigo pessoal Zagallo o fez mudar de ideia, e a melhor exibição de Pelé em copas do mundo foi no México (1970).

Com o tri-campeonato, Pelé não só se sagrou o melhor jogador de futebol de todos os tempos, como também se tornou o atleta do século em pequisa realizada pelo jornal francês "L'Équipe", em 1980.

Ninguém nunca teve tantos títulos individuais e coletivos com seu clube e defendendo seu país do que Pelé, ninguém conseguiu fazer tantos gols, foram 1281 tentos anotados na carreira.

E dentro de campo sua genialidade continua sendo incomparável.

Veja alguns lances raros e famosos da carreira mais vitoriosa do futebol mundial.

Siga a página Televisão
Seguir
Não perca a nossa página no Facebook!