O avião, que tinha capacidade para 95 pessoas, levava toda a delegação do time (48 membros da Chapecoense, 3 convidados, 21 jornalistas e 9 integrantes da tripulação), totalizando 81 pessoas.

Nesta madrugada, há 30 km de Medellín (Colômbia), ocorreu o Acidente que vitimou grande parte do time de Futebol da Chapecoense. O avião caiu numa região montanhosa de difícil acesso, o que dificultou o resgate.

Entre os sobreviventes estão o goleiro reserva Follmann, o lateral Alan Ruschel, que inclusive foi o primeiro a ser resgatado com vida, o zagueiro Hélio Zampier Neto, a comissária de bordo colombiana, Ximena Suarez, e o jornalista, Rafael Henzel, da rádio Oeste, em São Paulo.

O goleiro Danilo, que chegou a ser socorrido com vida, passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo a imprensa local, a aeronave perdeu contato com a torre de controle por volta das 22:15 (01:15 de Brasília). O último contato ocorreu entre La Ceja e Abejorral. O clima não era favorável, havia fortes ventos.

Tristeza para os fãs da Chapecoense

O time iria disputar o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional, porém, segundo nota da Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol), o jogo que aconteceria amanhã à noite foi cancelado. Decisão muito compreensível devido à gravidade dos acontecimentos. No dia 21 de dezembro haverá uma reunião para decidir como acontecerá o resultado final da Copa.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia Futebol

O presidente da entidade Alejandro Domínguez viajará para Medellín nesta terça-feira acompanhado de médicos e advogados para ajudar na liberação e transporte dos corpos.

O avião caiu num local de difícil acesso que dificultou bastante o resgate e remoção dos corpos. O diretor executivo da Agência de Cooperação e Investimento de Medellín e Área Metropolitana preferiu aguardar e não adiantar mais informações sobre o ocorrido.

As buscas pelas caixas-pretas continuam para ajudar a esclarecer o motivo do acidente.

As autoridades do Brasil e da Colômbia estão trabalhando para descobrir o mais rápido possível a causa do trágico acontecimento que vitimou tantas pessoas.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo