A saída de Marcelo Oliveira do comando técnico do Palmeiras foi traumática. Demitido nos vestiários após a derrota do Verdão para o Nacional-URU, pela Libertadores, o treinador campeão da Copa do Brasil do ano passado deixou o Palestra Itália após um início de temporada irregular, tanto no Paulista como no torneio sul-americano.

Dias depois da saída do atual técnico do Atlético-MG (que está prestes a conquistar mais uma Copa do Brasil, diante do Grêmio), o presidente Paulo Nobre e o diretor de futebol Alexandre Mattos anunciaram a contratação do técnico Cuca, profissional declaradamente palmeirense de coração.

Apesar de um início complicado à frente do comando da equipe, Cuca ofereceu aos palmeirenses uma goleada de 4 a 0 sobre o River Plate-URU, na despedida do time da Copa Libertadores após ser prejudicado pela vitória do Rosário Central-ARG por 2 a 0 sobre o Nacional-URU.

Em pleno Allianz Parque, naquela noite o Verdão abriu o placar com Egídio, aos 18 minutos, e Allione ampliou ainda no primeiro tempo, aos 48 minutos.

No intervalo, o time soube que o Rosario já vencia o Nacional, o que tornava qualquer vitória alviverde inútil. Mesmo assim, aos 27, Allione fez mais um e Alecsandro, de pênalti, definiu a goleada, aos 35.

A partir daí, um novo clima tomou conta da Academia de Futebol do Palmeiras e, juntamente com sua comissão técnica e o diretor Alexandre Mattos, Cuca promoveu mudanças com saídas de atletas como Robinho e Lucas, emprestados ao Cruzeiro, e chegadas de outros como Yerry Mina, Róger Guedes, Tchê Tchê e Fabiano.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Palmeiras PaixãoPorFutebol

Apesar de eliminado da Copa do Brasil, o Alviverde Imponente passou a mandar no Campeonato Brasileiro e está a um ponto de sagrar-se Campeão Brasileiro, pela 9ª vez, há duas rodadas do fim do torneio.

O sucesso de Cuca não era garantia de sua permanência nas Perdizes pois seu contrato estava vinculado ao fim do mandato de Paulo Nobre, em dezembro. No segundo semestre deste ano o técnico chegou a admitir a possibilidade de retornar ao futebol chinês em 2017.

Mas a eleição de Maurício Galiotte, atual vice-presidente de futebol, para suceder Paulo Nobre na presidência do Palmeiras mudou os planos do técnico de deixar o Brasil e isto se tornou evidente depois que o volante Moisés revelou que o treinador já confidenciou, nos vestiários da Academia de Futebol, que sua permanência na equipe, no próximo ano, só depende da diretoria do Verdão.

Para que o técnico continue no comando do time Campeão Brasileiro 2016 a torcida palmeirense já iniciou uma campanha, no último sábado (19), em frente ao portão da Academia de Futebol do Palmeiras, na Barra Funda, Zona Oeste, com faixas e gritos de "Fica Cuca".

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo