Se deseja garantir vaga na próxima Taça Libertadores da América, o Fluminense necessita ficar entre os seis melhores do atual Campeonato Brasileiro. Para Marquinho, a participação vitoriosa do Tricolor dentro da história do futebol mundial credencia a sua participação no torneio continental, em 2017.

"O Fluminense merece pela história, pela grandeza está dentro da zona da Libertadores. É uma competição que tive o prazer de jogar e eu não quero estar de fora", explicou o meia durante entrevista concedida após o treino desta quinta, realizado no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca.

Publicidade
Publicidade

A missão, porém, não é das mais tranquilas. Sem vencer há seis jogos, a equipe carioca, depois de frequentar as quatro primeiras posições, despencou para o nono lugar do Brasileirão e, agora, precisa de três vitórias para ir até a Libertadores. O primeiro desafio acontecerá na terça que vem, às 17h (de Brasília), no Maracanã, contra o Atlético-PR. Lembrando que o Flu, com 48 pontos, está a apenas três do último integrante do G-6, curiosamente o próprio Furacão, Marquinho pede o comparecimento maciço do torcedor.

Publicidade

"Se o torcedor encher o Maracanã e jogar junto com a gente como eles têm feito, e a gente jogar como estamos treinando nesses dias, tem tudo para dá certo. É uma cartada nossa, confronto direto", complementou o armador, que volta ao Fluminense depois de seis temporadas no exterior.

Ao que parece, o pedido de Marquinho será atendido. No primeiro dia de venda, os tricolores adquiriram pouco mais de 7 mil ingressos. Com os bilhetes custando R$ 20 para todos os setores, a expectativa da diretoria é pela presença de um público superior a 40 mil espectadores no Maracanã.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
PaixãoPorFutebol

Um fato que pode chamar ainda mais o torcedor é a quase certeza do retorno do goleiro Diego Cavalieri, sem atuar desde o último dia 07 de setembro (derrota de 1 a 0 para o Botafogo, na Arena da Ilha do Governador) por conta de um estiramento muscular na coxa direita. Outro que, recuperado de um edema na coxa direita, tem chances de ser relacionado é o centroavante Richarlison.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo