O Estádio Couto Pereira, em Curitiba, receberá um culto ecumênico nesta quarta-feira (7), dia em que seria disputada a final da Copa Sul-Americana entre a Associação Chapecoense de Futebol e Club Atlético Nacional de Medellín. É a homenagem dos paranaenses às vítimas da tragédia com o voo da Lamia, que deixou 71 mortos e 6 feridos, entre atletas, comissão técnica e dirigentes da Chapecoense, jornalistas e profissionais de imprensa brasileiros, e tripulantes bolivianos.

Publicidade
Publicidade

Culto ecumênico

Em seu site oficial, o Coritiba Foot Ball Club, proprietário do Estádio Couto Pereira convidou torcedores de todos os clubes para irem ao estádio vestidos de branco ou com a camisa de seu clube. Os portões serão abertos às 19h30 e o culto acontecerá das 20h30 às 21h45, horário em que começaria a partida decisiva. O padre João Maria e o pastor Antônio Jairo Porto Alegre farão a celebração que será comandada por Mauro Muller.

Publicidade

A Chapecoense escolheu o estádio do Coritiba porque a Arena Condá, em Chapecó, não tem capacidade para 40 mil torcedores, conforme prevê o regulamento da Copa Sul-Americana.

Homenagem dos colombianos

Na quarta-feira passada (30/11) o Club Atlético Nacional de Medellín fez uma grande e respeitosa homenagem, que emocionou autoridades brasileiras, como o Ministro das Relações Exteriores, José Serra, e o prefeito de Chapecó, Luciano Buligon e estreitou relações entre brasileiros e colombianos.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Polícia

Mais de 40 mil pessoas lotaram o Estadio Atanásio Girardod e outras milhares ficaram fora do estádio, nas ruas de Medellín. Hinos e cânticos foram entoados, em homenagem à Chapecoense, como o inesquecível "Vamos, vamos Chape!". Muitas faixas de apoio foram expostas. #ForçaChape.

Nacional já jogou no Estádio Couto Pereira

O Estádio Couto Pereira, que receberia a final da Copa Sul-Americana também recebeu o Nacional de Medellín na mesma competição.

Nas quartas de final, Coritiba e Nacional empataram em 19 de outubro, por 1x1. Borja abriu o placar para os colombianos no início do jogo e Iago empatou nos minutos finais. No jogo decisivo, em Medellín, Gonzales fez um gol de falta para o Coritiba, mas no segundo tempo o artilheiro Borja virou o jogo com três gols e classificou o Nacional para as semifinais. Para chegar à final, o Nacional passou pelo Cerro Porteño do Paraguai e a Chapecoense eliminou o San Lorenzo da Argentina, num jogo marcado pela defesa histórica do goleiro Danilo no último lance da partida.

Publicidade

Chapecoense Campeã

Nesta segunda-feira (5), a Conmebol - Confederação Sul-Americana de Futebol declarou a Chapecoense Campeã da Copa Sul-Americana 2016. Como o Nacional de Medellín é o Campeão da Copa Libertadores 2016, as duas equipes decidirão a Recopa em 2017.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo