A novela do caso Victor Ramos está longe de terminar. Quando parecia que o caso já estava sacramentado, com o arquivamento da denúncia por parte do STJD - Superior Tribunal de Justiça Desportiva -, o Internacional, principal clube interessado na perda de pontos do Vitória na luta contra o rebaixamento para a Série B, afirmou ter provas de que o jogador do time baiano atuou irregularmente no Brasileirão e pode reabrir o caso.

Publicidade
Publicidade

Na última semana, dirigentes do Internacional apresentaram um documento de 42 páginas ao STJD alegando que Victor Ramos estaria irregular no Brasileirão. O zagueiro do Vitória pertence ao Monterrey, do México, e está no clube baiano por empréstimo. No documento, o time gaúcho elucidou os pontos que julga serem equivocados na transferência do jogador e pediu perda de pontos nas 26 partidas que o atleta atuou na competição.

Publicidade

A defesa do Vitória afirma que tudo foi feito dentro da legalidade, já que o contrato de empréstimo de Victor com o Palmeiras, último clube do defensor, foi encerrado no dia 31 de dezembro de 2015 e o contrato com o Monterrey passou a vigorar antes da abertura da janelas de transferências - 4 de janeiro a 1º fevereiro.

Porém, o contrato firmado entre Vitória e Monterrey foi firmado no dia 26 de fevereiro no período de 1º do mesmo mês até 31 de dezembro.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Brasileirão

O ingresso no TMS - Transer Matching System, sistema que regula as transferências internacionais no Futebol - foi no dia 11 de março.

Em nota oficial publicada pelo Internacional nesta sexta-feira (9), assinada pelo vice-presidente jurídico, Giovani Figueiredo Gazen, o clube diz que está "estudando as medidas recursais cabíveis a serem propostas nos próximos dias com vistas à reversão de tal decisão, haja vista o excelente direito e amplas provas documentais que amparam nossa interpelação política".

Rebaixamento pode ser evitado no campo

Caso não consiga êxito nos tribunais, o Internacional pode escapar do rebaixamento no campo. No domingo (11), o time gaúcho encara o Fluminense, no Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita, na Baixada Fluminense, às 17h. Uma vitória fora de casa, somado à derrota da Vitória para o Palmeiras, em Salvador, e tropeço do Sport diante do Figueirense, em Recife, salva o Colorado da degola.

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo