O Flamengo busca concentrar seus esforços durante esta semana na busca por atacantes no Mercado da bola e alguns nomes surgem como interesse do clube para reforçar a equipe na temporada 2017. Dentre os nomes mais comentados estão o do colombiano Orlando Berrío, do chileno Eduardo Vargas e de Diego Tardelli, que atualmente está vinculado ao Futebol chinês. Mas também há outros nomes cogitado pelos dirigentes flamenguistas, que fazem sigilo absoluto para que as negociações não sejam atrapalhadas.

Orlando Berrío está com 25 anos e possui 1m82cm, tendo sido convocado pela seleção colombiana algumas vezes. Segundo informações, seu valor está estimado em aproximadamente US$5 milhões, tendo sido feito uma proposta de compra pelo Flamengo de forma parcelada, a qual deve ser respondida pela equipe de Medellín neste início de semana.

O atacante pode jogar aberto pelos lados do campo, mas também pode atuar como centravante, sendo a primeira onde se sente mais à vontade.

Eduardo Vargas também é um dos nomes mais comentados entre as possíveis contratações para o ataque flamenguista, porém o atacante já manifestou interesse em continuar no futebol europeu. Caso não haja propostas favoráveis a ele até o fim da janela de transferências, estaria disposto a negociar com o Flamengo, mesmo tendo proposta da China.

Diego Tardelli já é bem conhecido no futebol brasileiro, e também se tornou uma das opções flamenguistas para a temporada 2017. Com a nova regra do futebol chinês, o atual clube de Tardelli pode ser obrigado a liberar alguns jogadores, até mesmo para que possam contratar novos nomes. Sendo assim, o Flamengo buscaria tentar com que o atleta seja liberado pelo clube chinês e assim venha a compor a equipe flamenguista.

Os melhores vídeos do dia

Há também especulações sobre o ex-jogador do Fluminense, Kennedy, que no momento defende o Chelsea, porém em relação a este ainda não há informações concretas.

Para você, quem se adaptaria melhor no Flamengo, Diego Tardelli, Orlando Berrío ou Eduardo Vargas? Deixe sua opinião nos comentários.