O Flamengo quer um nome de peso para reforçar o seu ataque. O nome da vez no clube carioca é o do atacante chileno Vargas, jogador que está deixando o Hoffenheim da Alemanha e que também é titular da Seleção Chilena de Futebol. A dificuldade do rubro-negro na negociação pode ser a concorrência com o mercado chinês, que pretende fazer um grande investimento pelo atleta.

O atleta de 27 anos teria recebido uma boa proposta de um clube chinês, que agradaria mais ao Hoffenheim.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

No entanto, de acordo com informações do canal Fox Sports, os agentes de Vargas rejeitaram a proposta do futebol chinês. O jogador chileno não acha atrativo jogar na Ásia, e acredita que seria melhor para a carreira voltar ao Brasil e defender o Flamengo, que é o único clube do país que se mostra interessado pelo jogador.

Em 2013, o atacante chileno atuou no Grêmio, e desde então, aparece em especulações em diversos clubes do Brasil nas janelas de transferência.

Nesta sexta-feira (20), Vargas e seus agentes se reunirão com a direção do clube alemão. O conteúdo da conversa deve ser o desejo do atacante de não jogar no futebol chinês e ainda pedir para ser emprestado para o Flamengo. Esse ponto pode dificultar o acordo, o rubro negro pode apenas pedir o jogador por empréstimo, enquanto o mercado chinês tem potencial de compra. A definição do destino do atleta deve sair após a reunião.

Berrío ainda longe do Flamengo

Junto com Vargas, o clube carioca segue negociando com o atacante colombiano Berrío, do Atlético Nacional. Após ter a primeira proposta recusada, o Flamengo fez outra oferta, mas que também deve ser rejeitada.

Os melhores vídeos do dia

A primeira proposta era de 2,5 milhões de dólares, parcelados em quatro vez. A segunda é de 3 milhões de dólares parceladas em duas vezes. O clube colombiano deve rejeitar novamente pois pede, no mínimo, 5 milhões de dólares para liberar o jogador.

Além de contar com Vargas ou Berrío, caso um dos dois acerte um acordo, o Flamengo segue esperando a resposta do dirigente do Atlético-PR sobre o atacante Marcos Guilhermes. A negociação está acertada, falta apenas o "sim" de Mário Celso Petraglia.