Anúncio
Anúncio

Nessa intertemporada 2016/2017, as contratações das principais estrelas geraram mais de US$ 13 bilhões de dólares para a Major League Baseball, a liga de beisebol norte-americana. Com o Spring Training acontecendo e as principais estrelas com contrato assinado, veja a lista das dez contratações mais caras deste período:

10) Rich Hill – Los Angeles Dodgers – US$ 48 mi por 3 anos

Rich Hill fez ótimas atuações pelo Los Angeles Dodgers nos últimos meses da temporada 2016 e o veterano foi recompensado com o mais caro contrato de um arremessador abridor na lista de agente livre.

Hill tem sido um dos melhores arremessadores titulares nas duas ultimas temporadas e os Dodgers estão apostando todas as fichas na experiência e na saúde de Hill.

9) Josh Reddick – Houston Astros – US$ 52 mi por 4 anos

O #outfielder desembarcou em Houston com o 6º contrato mais caro entre os jogadores da sua posição.

Advertisement

O jogador de 29 anos é considerado um bom defensor externo e vai receber salário de um jogador de alto nível. Mesmo só rebatendo 20 home runs nas últimas quatro temporadas, Reddick tem a seu favor ser um jogador com uma boa velocidade, ser firme na hora da defesa e ter um bom contato. Ele tem sua carreira tem uma média de .255 no bastão.

8) Edwin Encarnacion – Cleveland Indians – US$ 60 mi por 3 anos

Apostando alto em seu reinado como Campeão da American League, os Indians investiram pesado na contratação do batedor designado Edwin Encarnacion. Com uma média de 39 home runs e 110 corridas impulsionadas nas ultimas cinco temporadas, Encarnacion é forte no bastão e também sabe defender muito bem na primeira base, dando versatilidade ao lineup dos Indians.

7) Mark Melancon – San Francisco Giants – US$ 62 mi por 4 anos

Com o desastre do seu Bullpen (banco de reserva dos arremessadores), os Giants resolveram investir pesado nessa deficiência.

Advertisement
Os melhores vídeos do dia

Melancon vem para dar uma aliviada nas trocas de arremessadores quando o jogador que abriu a partida começa a cansar. O arremessador destro teve sucesso em suas passagens pelo #Pittsburgh Pirates e #Washington Nationals.

6) Justin Turner – Los Angeles Dodgers – US$ 64 mi por 4 anos

Para garantir uma de suas principais armas ofensivas, os Dodgers tornaram Justin Turner o defensor de terceira base mais bem da Major League em questão dos faturamentos anuais. Em oito anos de carreira profissional, o veterano de 32 anos tem uma média de .282 de AVG, 282 corridas impulsionadas, 58 home runs e 23 bases roubadas.

5) Ian Desmond – Colorado Rockies – US$ 70 mi por 5 anos

Para ter Desmond em seu elenco, os Rockies abriram os cofres e também uma de suas opções de draft. Desmond deixa os clube como um dos melhores lineups (escalação) da National League, além, é claro, de elevar o nível defensivo do clube.

4) Kenley Jansen – Los Angeles Dodgers – US$ 80 mi por 5 anos

O experiente arremessador de 29 anos tem agora o segundo contrato mais caro de um relevo (arremessador que entra no decorrer do jogo) da história da MLB.

Desde 2012, Jansen foi extremamente efetivo como fechador tendo 2.22 de ERA e 180 jogos salvos.

3-) Dexter Fowler – St. Louis Cardinals – US$ 82.5 mi por 5 anos

Fowler trocou o Chicago Cubs pelo seu rival de divisão St. Louis Cardinals. Com 30 anos de idade, ele é um defensor externo rápido, com ótima noção de campo, além de ser um exímio rebatedor.

2) Aroldis Chapman – New York Yankees – US$ 86 mi por 5 anos

O arremessador cubano tem a bola mais rápida da liga e tem como missão assegurar as vitórias do time do Bronx nos jogos de resultado apertado. Chapman é o fechador mais caro da história.

1) Yoenis Cespedes – New York Mets – US$ 110 mi por 4 anos

Para recontratar o potente rebatedor cubano, os Mets tornaram Cespedes o contrato mais caro da intertemporada. O jogador é considerado peça fundamental para o retorno do clube para a World Series. O cubano tem cinco anos de carreira profissional, passagens por #Oakland Athletics, #Boston Red Sox e #Detroit Tigers, tem o AVG de .272, 453 corridas impulsionadas e 137 home runs.