O Palmeiras encerrou a preparação para seu terceiro jogo na Copa Libertadores 2017. O duelo contra o Peñarol será nesta quarta-feira (12), às 21h45, no Allianz Parque, em São Paulo.

Em duas partidas pela competição, o Verdão soma quatro pontos, com uma vitória e um empate. Na estreia, igualdade contra o Atlético Tucumán-ARG fora de casa.

O segundo jogo foi bastante sofrido: Yerry Mina marcou o gol nos minutos finais e deu os três pontos contra o Jorge Willsterman-BOL. Uma vitória amanhã deixa a equipe muito bem na classificação do grupo e sonhando já com a classificação.

Para o confronto importante, o técnico Eduardo Baptista levou o elenco para treinar no palco do jogo.

A movimentação foi fechada para a imprensa, mas o site oficial do Verdão adiantou que o treinador trabalhou posicionamentos, bolas aéreas, marcações, faltas e pênaltis.

Duas dúvidas ainda pairam no ar. Jean, que não joga há quase um mês, deve brigar pela vaga com Fabiano. O jogador já se recuperou de lesão no pé e tem treinado bem, não sentindo dores e mostrando que está tranquilo para a "reestreia".

A segunda dúvida é em relação a Róger Guedes. Pronto para o combate, o treinador deve colocá-lo de volta no time titular e sacar Alejandro Guerra. O venezuelano teve excelente atuação contra o Novorizontino, na vitória por 3 a 0, e causou um alvoroço na cabeça de Baptista. Guedes vinha bem, mas foi expulso, após subir no alambrado, ao marcar gol em Novo Horizonte.

O provável time do Verdão será: Fernando Prass; Jean (Fabiano), Yerry Mina, Edu Dracena e Zé Roberto; Felipe Melo; Róger Guedes (Willian), Tchê Tchê, Guerra e Dudu; Borja.

Os melhores vídeos do dia

Sem essa de tapa na cara

Depois do treino, o volante Felipe Melo resolveu voltar atrás na declaração que deu, quando se apresentou ao Palmeiras. Na ocasião, Melo disse que não se arrependeria de "dar tapa na cara de uruguaio", se assim fosse preciso para o time vencer. Tentando amenizar o duelo, o jogador disse que não pretende agir com nenhum tipo de violência e que respeita o time do Peñarol.

Semifinal domingo

O Palmeiras não terá folga após o jogo de quarta-feira. Na quinta (13), os atletas já se reapresentam visando ao jogo contra a Ponte Preta, em Campinas, pela semifinal do Campeonato Paulista. O time campineiro eliminou o Santos nos pênaltis e conseguiu a classificação heroica. O primeiro jogo acontece no domingo. No sábado da semana que vem, o jogo de volta será no Allianz Parque.

Em 2008, o Verdão foi Campeão Paulista justamente em cima da Ponte Preta. A taça estadual foi a última conquistada, desde então.

Do outro lado da chave, São Paulo e Corinthians decidem uma vaga na final. O tricolor joga a primeira no Morumbi e, depois, vai decidir a vaga na Arena Corinthians, em Itaquera.