Avaí e Fluminense não sabem o que é vitória desde a quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Para acabar com esse incomodo jejum, se enfrentam nesta quarta-feira (21), às 21h45, na Ressacada, pela nona rodada da competição nacional. Com apenas 5 pontos, o time catarinense é o lanterna, enquanto que o Tricolor carioca é o 10º colocado com 11 pontos.

Para tentar fugir da última colocação, o Avaí terá a estreia do lateral Maicon, de volta ao futebol brasileiro, além do retorno do zagueiro Betão e do volante Luan, que cumpriram suspensão contra o Vasco.

Publicidade
Publicidade

Por outro lado, o zagueiro Alemão segue de fora, assim como Júnior Dutra, ambos com problemas na coxa.

Com essas variantes, o técnico Claudinei Oliveira começará a partida com Kozlinski no gol, a defesa com Maicon, Betão, Gustavo e Capa. Luan e Judson serão os volantes, com Leandro Silva (ou Joel), Marquinhos e Juan completando o meio de campo. Na frente Romulo tentará melhorar os números de ataque da equipe, que marcou apenas três gols no campeonato.

Publicidade

Pelos lados do Fluminense, o técnico Abel Braga ganhou mais um problema para o seu já desfalcado elenco. Com dores no joelho esquerdo, Wendel está fora do jogo desta noite, assim como Douglas e Wellington Silva, que estão em trabalho de recuperação física.

Assim o Fluminense deverá ser alinhado com Júlio César no gol, a dupla de zaga sendo formada por Reginaldo e Henrique além de Lucas e Mascarenhas nas laterais.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Fluminense Brasileirão

No meio Matheus Norton, Marquinhos e Renato brigam pela vaga de Wendel. O setor será completado por Orejuela e Gustavo Scarpa. Richarlison, Marquinhos Calazans e Henrique Dourado completam a formação tricolor.

Roupa nova aprovada

Nas próximas rodadas o Fluminense deverá estrar seus novos uniformes, agora confeccionados pela Under Armour. Nesta terça-feira (20), as novas peças foram aprovadas por unanimidade pelo conselho deliberativo do clube.

A camisa titular foi inspirada nas usadas pelo clube em 1975 e 1976, época em que o clube ficou conhecido como a Máquina Tricolor, com a diferença que as bordas das mangas e as golas serão mais finas. Já a camisa reserva é totalmente branca, sem os detalhes presentes no uniforme 2 da Máquina Tricolor, com os números sendo da cor verde.

A primeira aparição do novo fardamento será no jogo diante do Corinthians, válido pela 16º rodada do Campeonato Brasileiro.

Publicidade

No Brasil, além do Fluminense, a Under Armour também é a responsável pela confecção dos uniformes do São Paulo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo