Como um dos maiores jogadores da história do Inter, D'Alessandro foi a maior falta que o time teve na temporada passada, na qual, por poucos pontos, o time gaúcho caiu para a Série B. Vários torcedores acreditam que com ele em campo na temporada passada, muito dificilmente o colorado teria caído pela primeira vez para a segunda divisão.

Ele voltou ao Beira-Rio após uma temporada vestindo a camisa do River Plate, da Argentina, e hoje é uma das esperanças para o time subir com tranquilidade para a primeira divisão. Porém, o seu contrato já está se aproximando do fim, aumentando rumores sobre uma possível negociação do jogador argentino.

O gringo não quer pressionar a diretoria sobre uma possível renovação do contrato: ''Minha relação é boa com a diretoria. Não quero que ninguém se sinta obrigado em renovar só porque é ídolo. Esperarei o final da temporada e espero que com o objetivo concluído. Não darei a moral para os que querem que eu renove antes do final do campeonato. Eu já estou aguentando algumas coisas. Não quero outra'', disse.

A idade chega para todos. O atleta que antes tinha muita energia para conseguir jogar uma grande sequência de jogos, hoje não é mais o mesmo. Com 36 anos, fica algum jogo fora por que precisa se preparar para ficar 100% fisicamente e evitar lesões.

''Desde a minha volta ao Inter o que eu menos fiz, junto ao meu empresário, foi tentar renovar o contrato. Não quis renovar o contrato para todos ficarem tranquilos.

Caso o Inter queira, irei ficar. Eu não estou aqui pelo dinheiro ou pelo contrato. Vim para ajudar o time nesse momento difícil. Não seria justo chegar e sair que o D'Alessandro renovou o seu contrato'', completou o jogador.

A diretoria [VIDEO]sabendo de uma possível queda de rendimento por conta da idade, já contratou outro grande jogador para ajudá-lo dentro de campo e também substitui-lo. Camilo tem tudo para se tornar um dos destaques da equipe e pode fazer a mesma função do argentino dentro do esquema tático de Guto Ferreira.

Aos poucos, o gringo se tornou um dos maiores jogadores [VIDEO]da história do Internacional. Ele tem um forte temperamento e uma qualidade técnica inquestionável, vestiu a camisa colorada mais de trezentas vezes, ganhando diversos títulos importantes, se consolidando de vez como um dos ídolos torcedor.

Com o time na Série B e vivendo o seu pior momento, ele esta lá, assim como esteve nos melhores momentos do clube nos últimos anos.