São Januário estava sendo a melhor arma do Vasco neste Brasileirão [VIDEO]e vinha conseguindo excelentes resultados nos seus domínios. No entanto, os torcedores do clube [VIDEO]entraram em confusão após o clássico contra o Flamengo e isso resultou em punições e interdições. Hoje, a equipe sobre longe dos seus domínios e vive um momento complicado, com troca de treinador e tudo mais.

A próxima partida em casa do Cruzmaltino é justamente contra o Grêmio, vice-líder do Campeonato Brasileiro e logo em seguida enfrenta a Chapecoense. Contudo, essa partida pode ter ótimas novidades par ao torcedor vascaíno e uma grande esperança para o restante da atual temporada do clube carioca.

''Na Justiça Desportiva já está tudo certo, agora temos que trabalhar para conseguir a liberação na Justiça comum. Tenho esperanças que os próximos dois jogos que o time tem os mandos de campo, ele consiga jogar em São Januário, mesmo que seja com os portões chegados'', afirmou o presidente do Vasco, Eurico Miranda.

Ele afirmou que não costuma dizer o que irá fazer, mas o clube está lutando e recorrendo para ter um resultado positivo e, assim, poder jogar em casa nas próximas rodadas. Todavia, mesmo que consiga a liberação na Justiça comum de São Januário, a equipe jogará com portões fechados, em razão das punições relativas ao STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva).

Sem o seu estádio, a tendência é um aumento do prejuízo financeiro, mas isso nem se compara ao prejuízo técnico que a equipe passa.

O próprio presidente lembrou e afirmou que não pensa mais na parte financeira, mas, sim, no tanto que o clube perdeu por não atuar em sua casa nas últimas rodadas.

Após o ocorrido, o Vasco jogou quatro vezes fora de São Januário, mas em partidas em que tinha o mando de campo. Nesses duelos, de 12 pontos possíveis, somente dois foram conquistados e isso reflete na tabela de classificação. Outrora estava brigando para ir para a próxima Libertadores e hoje vive lá na parte de baixo.

O Ministério Público puniu o clube com uma interdição de 180 dias. Para conseguir reverter a situação, é preciso apresentar um certificado de segurança e, assim, o Cruzmaltino voltará a jogar em casa.

Desde a punição, os resultados do clube foram poucos. Com poucas vitórias, o time caiu na tabela e hoje está na parte de baixo. Com o comando de Zé Ricardo, a tendência é que o time consiga melhorar o desempenho e assim possa dar a voltar por cima e se manter na primeira página da tabela de classificação.