Não é apenas de contratações que vive o Palmeiras [VIDEO]. Nesta segunda-feira (14), o portal Globo Esporte divulgou que o clube negociou duas promessas de suas categorias de base com times europeus, porém manteve um percentual sobre seus direitos econômicos, prática que vem sendo cada vez mais comum.

O atacante Iacovelli, de 18 anos e que tinha contrato até maio do ano que vem irá jogar no Estoril de Portugal. O clube paulista era dono de 100% dos direitos federativos do jogador, que fez uma partida com o time profissional, na segunda rodada do Campeonato Brasileiro, contra a Chapecoense, quando o técnico Cuca optou por escalar um time alternativo.

O jogador usou as redes sociais para agradecer e se despedir do Verdão. “Obrigado Palmeiras por tudo! Sigo meu caminho pra Europa, mas levando lições e aprendizados gigantescos”, escreveu.

Já o zagueiro Estigarriba, também de 18 e com acordo até maio de 2018, se transferiu para o Alavés da Espanha. No caso deste atleta o Palmeiras era dono de 80% de seus direitos econômicos do atleta. Ele não chegou a subir para o time profissional, disputando apenas jogos da base.

Egídio

O lateral-esquerdo Egídio foi muito criticado por torcedores após perder o pênalti contra o Barcelona do Equador que determinou a eliminação do Palmeiras na Copa Libertadores da América. Visando preservar o jogador, o técnico Cuca não o relacionou para a partida de domingo (13) contra o Vasco, apesar de ter sido defendido pelo próprio treinador e demais companheiros de time.

Seu contrato com o Palmeiras vai até dezembro deste ano.

Para seu lugar foi escalado Michel Bastos, que deverá seguir atuando na posição nas próximas partidas do time, uma vez que Zé Roberto não será mais usado na posição e Juninho ainda se recupera de contusão. Michel já havia jogado na lateral na partida contra o Flamengo, quando acabou cometendo um pênalti em cima de Geuvânio, que acabou sendo defendido pelo goleiro Jaílson.

Folga

Desgastado após a maratona de partidas, o elenco volta a treinar apenas nesta quarta-feira (16). A folga mais extensa foi em razão de nos últimos 30 dias o time ter jogado duas vezes por semana. Desde que Cuca assumiu, o Verdão fez 27 jogos em 91 dias. Com as eliminações, esse quadro muda totalmente, com o time fazendo apenas mais duas partidas até o final do mês, contra a Chapecoense e o clássico diante do São Paulo, ambos no Allianz Parque.

Na quarta colocação do Campeonato Brasileiro com 33 pontos em 20 jogos, o Palmeiras volta a jogar no próximo domingo (20), quando recebe a Chapecoense às 19 horas, no Allianz Parque.