O volante Felipe Melo é jogador do Palmeiras até então, mas um desentendimento com o técnico Cuca, após a eliminação da Copa do Brasil, fez com que o treinador pedisse o afastamento do jogador do elenco da equipe, pois, o afirmou que não gostaria mais de contar com o atleta em seu elenco.

O desentendimento teria surgido após o Felipe Melo ter cobrado dos companheiros de clube no vestiário depois da eliminação, onde o mesmo pedia mais raça e mais doação dentro de campo. Porém, Cuca entendeu esta situação como um grande desrespeito, até porque o fato de Felipe Melo ter mais bagagem não o dá mais autoridade em cima de outros jogadores.

Na visão de Cuca, este papel está ao alcance do treinador e algumas vezes do capitão, e o que complicou mais ainda a discussão foi a discordância. O técnico afirmou que os jogadores se doaram na partida, ao contrário do que Felipe Melo afirmou.

Reintegração?

Uma saída do Felipe Melo do Palmeiras foi muito cogitada e até alguns inícios de negociações foram especulados, assim como com o Internacional, onde uma troca pelo lateral esquerdo Uendel quase aconteceu, porém, a diretoria do Verdão repensou o caso e resolveu não vender Felipe Melo, mas, sim, reintegrá-lo ao elenco do clube. O motivo seria problemas judiciais [VIDEO], uma vez que o volante poderia colocar a Sociedade Esportiva Palmeiras na Justiça após sua saída, pelo fato da saída ter sido contra sua vontade e sem o contrato ter acabado.

Felipe Melo voltará a treinar normalmente pelo Palmeiras, estando novamente à disposição do técnico Cuca. Porém, resta ao treinador querer utilizá-lo ou não, pois a Decisão de ter o jogador no elenco é da diretoria, mas a de escalar o volante é do técnico. A decisão foi anunciada nesta segunda-feira (4). Por isso, a situação fica complicada para Felipe Melo neste momento, que se redimiu de um áudio que vazou, no qual ele afirma que o técnico Cuca é um "safado" e nunca mais voltaria a trabalhar com ele, mas em uma entrevista coletiva afirmou que não pediu desculpas.

Felipe Melo conversou com Cuca?

O jogador conta que conversou com o treinador nos bastidores e lembra que aquilo que foi dito no áudio não é o que ele acha sobre o treinador, pois, aquela situação foi isolada, quando tinha acabado de acontecer o caso, oque deixou o jogador muito chateado, não só com o treinador, mas também com a diretoria do Verdão.

Em uma coletiva de imprensa, o jogador afirmou que o problema não foi só o Cuca, e sim toda a diretoria do Palmeiras [VIDEO], que não conseguiu dar uma assistência boa ao caso.