Após 44 anos o alvinegro carioca voltou a jogar, na noite desta quarta-feira, 13 de setembro, as quartas-de-finais da Copa #Libertadores da América. O resultado não foi o que a torcida esperava, já que, no Estádio Nilton Santos, jogando esta competição, o time costuma obter resultados positivos - exceto na derrota para o Barcelona de Guayaquil ainda na fase de grupos, por 2x0. O Grêmio, adversário desta vez, tinha desfalques importantes do zagueiro Pedro Geromel e do meia-atacante Luan.

Porém, nenhuma das duas equipes ofereceu riscos grandes para as defesas. Todas as oportunidades de gol, foram facilmente defendidas por Gatito Fernandez e Marcelo Grohe.

A partida foi nervosa, com muitos passes errados da equipe carioca e muitas faltas, porém, poucas para cartão - apenas Matheus Fernandes e Rodrigo Pimpão, ambos alvinegros, tomaram amarelo. Já o time gaúcho, buscava aproveitar esses erros alvinegros, mas sem êxito, por conta da boa atuação da defesa botafoguense. Porém, o erro que mais incomodou a torcida e os jogadores da casa foi o do árbitro venezuelano José Argo. No início do segundo tempo, o lateral-direito Edilson, cometeu um pênalti no ala alvinegro Gilson, o juiz não entendeu assim e não marcou a penalidade.

Após a partida, em conversa com a imprensa, o Gilson contou o que achou.

– Na minha opinião foi pênalti, o Edílson me calçou. Pênalti claro, cheguei no vestiário e a primeira coisa que fiz foi ver o lance, e me deu mais certeza ainda que foi.

Infelizmente o juiz não marcou, bola para frente. - Comentou o jogador do #Botafogo.

Com o placar zerado, a partida de volta será extremamente decisiva, podendo ainda ir a pênaltis, se o resultado for o mesmo. Qualquer empate, com gols, dará a classificação para a semifinal da competição para o time alvinegro. E assim, confirmará a fama que vem ganhando ao longo das fases de "Exterminador de Campeões". Pelo caminho, o Botafogo já deixou para trás times como Colo-colo, Olímpia, Atlético Nacional, Estudiantes e Nacional do Uruguai, todos já possuem o título de campeão da Libertadores no currículo. Título esse que falta para o alvinegro carioca.

O Botafogo volta a campo pela vigésima quarta rodada do campeonato Brasileiro, no próximo sábado, dia 16, às 19 horas, no Estádio Nilton Santos, para enfrentar o Santos. Já pela Libertadores, o jogo de volta acontecerá na próxima quarta-feira, na Arena do Grêmio, às 21h45. #Futebol