#Neymar teria deixado o Barcelona por causa de Lionel #messi. Apesar de os dois serem muito amigos, Neymar estava pensando que ficando no mesmo time que Messi, seria sempre a segunda figura. No entanto, como ele queria ser o melhor jogador do mundo, ele acredita que precisava tomar esse passo e sair de perto do argentino, mas parece que a sombra de Messi está chegando a Paris e poderia ser o astro argentino o 'culpado' por essa briga entre o brasileiro de 25 anos [VIDEO], e Edinson Cavani, o poderoso atacante uruguaio que não vai ceder facilmente sua posição.

O brasileiro é a contratação mais cara de sempre, mas de momento, ele está dando dores de cabeça para os dirigentes do Paris, que deram 222 milhões de euros para o Barcelona.

O jogador não se entende com Cavani e parece que seu desejo de imediatismo pode estar prejudicando o bem estar do time. Todos estão trabalhando para que eles se entendam, mas parece que isso não está tão fácil assim.

Finalmente foi revelada a razão que deixou os dois jogadores brigados. Neymar teria falado para o uruguaio que seria ele a bater os pênaltis e Cavani, que está na França há bem mais tempo e que pretende ser o artilheiro do Francês, disse: "Mas você se acha o Messi ou o quê?". Neymar teria odiado essa referência, por Cavani falar que ele nem se aproximava de Messi, uma comparação que Neymar quer terminar, uma vez que ele pretende ser o melhor do mundo, suplantando o amigo.

Quando Neymar se juntou ao Barcelona, ele falou que fez isso, porque queria jogar com o melhor do mundo.

No entanto, algum tempo depois, ele preferiu ir embora. Porém, eles ficaram muito amigos e Neymar foi até um dos convidados para o casamento do Messi, com Antonella, em junho passado. O casal deu o nó na Argentina, eles que namoravam desde que eram crianças e que tinham já dois filhos. Supostamente, Antonella está grávida do seu terceiro filho.

Unai Emery decide polêmica dos pênaltis

O treinador espanhol [VIDEO]Unai Emery disse que já falou com Neymar e com Cavani sobre a polêmica dos pênaltis. Ele acredita que está finalmente encerrado o tema que demonstrou que os dois craques não estão se entendendo.

Durante uma partida com o Lyon, os dois jogadores ficaram discutindo sobre quem batia a penalidade. Agora, parece que isso ficou encerrado e o treinador do PSG está desejando ter muitos pênaltis, dizendo que é ele quem toma a decisão do que cada um faz em campo, incluindo quem vai bater os pênaltis.

Ele não falou quem o vai fazer, mas disse que está feliz por ter vários bons jogadores capazes de o fazer com sucesso, mas que pelas estatísticas, serão Cavani ou Neymar "repartindo a responsabilidade".

Nos próximos encontros, certamente, se vai perceber quem será o primeiro escolhido de Emery.

#Futebol