Torcedores de Flamengo e Cruzeiro aguardam ansiosamente para o confronto da Final da Copa do Brasil, nesta quarta-feira à noite (27), no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG). No primeiro jogo, ocorreu o empate de 1 a 1, no Maracanã, no Rio de Janeiro. Portanto, quem vencer a partida de volta se sagra campeão da Copa do Brasil de 2017.

Flamengo tem três títulos da competição, e vive na expectativa de levantar o quarto caneco. Já o Cruzeiro é tetra e está louco para ser penta.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Flamengo

O fato de os mineiros jogarem a segunda e última partida em casa aponta o time como favorito ao título, mas os flamenguistas estão muito confiantes. Mesmo com alguns desfalques, os principais jogadores dos dois times vão a campo.

Desfalques

O meia Everton não joga essa final. Além dele, o treinador Reinaldo Rueda também tem dúvida para o gol, já que provavelmente o goleiro Tiago não vai jogar. De quebra, um do que vem sendo dos melhores jogadores do Flamengo em campo não vai a campo.

Trata-se de Everton Ribeiro, que não chegou a tempo de ser inscrito no BID (boletim informativo diário) da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). No lugar dele, o técnico colombiano deve escolher Gabriel, assim perdendo um pouco de qualidade ofensiva pelo lado esquerdo do campo.

Everton Ribeiro, que também não jogou o primeiro jogo não é uma surpresa. No lugar de Tiago deve entrar o goleiro Muralha, que não vive um bom momento. A boa notícia é que o peruano Paolo Guerrero deve voltar ao time titular.

O Cruzeiro tem apenas o desfalque de Sassá, já esperado.

Quando ele foi contratado do Botafogo já havia atuado na Copa do Brasil e não pode atuar na mesma competição por duas equipes diferentes. O uruguaio Giorgian De Arrascaeta deve ser titular.

Polêmica na venda de ingressos

Para a torcida do flamengo foram disponibilizados 5.841 ingressos, que se esgotaram rapidamente, as vendas ocorreram somente pela internet disponível para sócios. O problema é que entre os sete programas de sócio-torcedor do Flamengo, apenas quatro tiveram o direito de compra de ingresso.

Muitos flamenguistas associados não tiveram a chance de comprar. Torcedores dos planos +Paixão, Paixão, +Amor e Amor foram os que se beneficiaram da situação. Milhares de torcedores do time que moram em Minas Gerais ficaram extremamente revoltados, alegam que, por morarem longe, não participam do programa de sócio-torcedor mais caro e que quando o time vai jogar em sua capital (Belo Horizonte), eles não tiveram a chance de adquirir os ingressos.