Wagner já deixou claro que ir para Itaquera e voltar com um empate não é um resultado ruim, mas o Cruz-Maltino irá tentar uma vitória e, assim, abrir a briga pela ponta do campeonato. Torcedores e imprensa veem a partida contra o Vasco da Gama como uma final para o time paulista, já que poderia chegar à terceira partida sem vencer e entrar em uma crise.

Com o Vasco em alta, o Corinthians [VIDEO]precisa de uma vitória para se recuperar das duas derrotas seguidas que sofreu: uma para o Atlético-Go e outra para o Santos. Para o Vasco, o melhor será aproveitar que o estádio estará cheio e tentar fazer um gol no goleiro Cássio.

Precisando de mais uma vitória para entrar de vez na briga pelo G6, o Cruz-Maltino também vê o duelo como superimportante para os objetivos da equipe de São Januário. ''Nosso primeiro turno [VIDEO] foi complicado, com outro técnico. Agora, temos Zé Ricardo, que está implementando o seu trabalho e estamos entendendo bem, tivemos duas vitórias. Tentaremos vencer, mas se sairmos com um ponto estará bom. Perder nós nem cogitamos'', afirmou Wagner.

Um dos grandes problemas para esse jogo é que o Vasco não contará com Luis Fabiano contra a sua maior vítima, que é o Corinthians. Raramente, o camisa 9 não deixa a sua marca contra o time de Fábio Carile. No entanto, o atleta ainda se recupera de uma cirurgia no joelho e só deve entrar em campo contra o Sport, na rodada seguinte do Brasileirão.

Com o G6 mais próximo e os outros rivais focados nas copas, o Vasco é o único time carioca que atua somente pelo Brasileirão, aumentando o tempo de treinamento e não sofrendo tanto com a parte física.

O primeiro confronto das equipes, em 2017, também ocorreu com o Vasco em um bom momento. Por isso, é preciso ter uma enorme preocupação. O Corinthians abriu o placar e, no final do primeiro tempo, fez 2 a 0. Entretanto, com Luis Fabiano, nos primeiros minutos, o Vasco empatou o jogo, mas os paulistas ainda se saíram melhor e venceram a partida por 5 a 2.

Desde aquele jogo, o Gigante da Colina começou a oscilar no Brasileirão e não conseguiu mais uma sequência de bons jogos, culminando na demissão de Milton Mendes, que deixou o comando técnico do clube há algumas semanas.

As próximas partidas

O Vasco tem três jogos pela frente que definirão o que o clube quer para a temporada. Após o jogo contra o Corinthians, há um duelo contra o Sport e, logo em seguida, contra a Chapecoense. Nesses confrontos, é importante que o clube some o máximo de pontos possível para, assim, consolidar-se como um grande candidato a uma vaga na Libertadores.