O Inter queria um elenco com muita qualidade técnica para a Série B e ainda sob o comando de Zago, foi atrás da contratação de Edenílson. O jogador se destacou vestindo a camisa do Corinthians, com Tite, e estava jogando no Futebol italiano. Hoje, ele é uma peça importante de Guto Ferreira e é um dos atletas que serão cruciais em 2018, quando todos esperam que o clube esteja na Série A.

Mas o grande problema [VIDEO]é que ele está no Beira-Rio somente por empréstimo. O seu vínculo acaba no meio do próximo ano e ele tem que voltar para a Itália, onde jogaria defendendo as cores da Udinese, clube que detém os seus direitos econômicos [VIDEO].

De acordo com o Uol Esporte, para ficar com atleta definitivamente, é preciso ser pago 5 milhões de reais ao clube italiano. Isso deve ser feito, mas o clube gaúcho espera o melhor momento para fazer a compra. O atleta deseja ficar com um contrato mais longo. O Inter deve estar disputando a primeira divisão e por conta disso disputará títulos mais importantes, assim a permanência dos principais jogadores é muito importante.

Essa é a mesma situação de Gutiérrez. O jogador foi contratado por empréstimo, mas não tem conseguido espaço com Guto Ferreira e ele deve deixar o clube gaúcho no próximo ano. O valor da sua compra também é muito superior a de Edenílson, e o fator financeiro e o seu aproveitamento baixo devem fazer com que ele procure novos ares na temporada seguinte.

Edenílson começou a se destacar no futebol vestindo a camisa do Caxias.

O atleta chamou a atenção do Corinthians, onde foi contratado e virou titular absoluto do time que até então era comandado pelo técnico Tite. Ganhou muitos títulos, como o mundial de clubes e a Libertadores. Após uma passagem pelo futebol italiano, acertou com o Inter e deve permanecer no clube gaúcho por muito tempo.

É preciso mudar o elenco. O Vasco foi um dos grandes exemplos, já que começou a temporada achando que o elenco que foi bem na Série B iria dar resultados na Série A, mas isso não aconteceu e dessa forma as mudanças ocorreram já com a temporada em andamento e hoje briga novamente para não cair para a Série B.

Líder do campeonato, o Inter só volta a campo no sábado, dia 9, quando irá jogar fora de casa, contra o Juventude. Nesse jogo, é importante o clube mostrar força novamente, já que uma vitória consolida a equipe na liderança da competição e continua o processo de crescimento do futebol apresentado pelo clube nas últimas rodadas.