Ex-jogador do São Paulo, França costuma comentar os jogos e a situação da equipe em sua conta oficial no Twitter. Nesta quinta-feira (21), o centroavante fez uma postagem de provocação ao Corinthians [VIDEO], eliminado na Copa Sul-Americana no dia anterior, após empatar sem gols com o Racing, na Argentina.

França postou a foto de um são-paulino que foi ao estádio El Cilindro [VIDEO], em Avellaneda, e mostrou a camisa do São Paulo para a torcida corintiana que foi ao local acompanhar a partida.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Corinthians

“Tá explicado”, postou o centroavante, para delírio de seus fãs são-paulinos. A postagem já teve quase mil likes e mais de 180 retweets. Muitos torcedores comentaram a postagem do ex-jogador e o elogiaram.

“Que honra ter minha foto publicada por ti, grande Fraça”, comentou torcedor que tirou a foto no estádio argentino.

Ídolo

França jogou pelo São Paulo entre 1996 e 2002 e, entre as maiores conquistas, estão o Campeonato Paulista de 1998, conquistado diante do Corinthians.

Aquela partida histórica marcou o retorno de Raí e a despedida de Denílson do Tricolor. França marcou um gol naquela partida, que terminou com vitória são-paulina por 3 a 1 em um Morumbi completamente lotado.

No São Paulo, Françoaldo Sena de Souza, natural de Codó, no Maranhão, disputou 327 partidas e anotou 182 gols – é um dos maiores artilheiros da equipe em toda a história.

Além do Paulistão de 1998, venceu a mesma competição dois anos depois e ergueu a taça do Torneio Rio-São Paulo, em 2001. Nessas três competições e no Rio-São Paulo de 2002, foi artilheiro.

Os melhores vídeos do dia

No Paulistão-1998 marcou 12 gols. Na edição do ano 2000 foi além e fez 18. No Rio-SP de 2001 anotou seis. Já em 2002, no torneio que foi chamado de Super Rio-São Paulo marcou 19.

O centroavante se aposentou em 2011, quando defendia o Yokohama FC, do Japão. Antes disso, passou Bayern Leverkusen, da Alemanha, e Kashima Reysol, também do Japão.

No Twitter, onde é seguido por mais de 13 mil pessoas, adota um tom crítico em relação à fase atual do São Paulo, com críticas à diretoria do Tricolor e dá opiniões contundentes sobre o futebol apresentado pelo time.

Tradição

Após o empate e eliminação diante do Racing, torcedores rivais voltaram a dizer que o Corinthians não tem tradição em torneios internacionais e que o ano de 2012, em que conquistou a Copa Libertadores da América, foi uma exceção.

Na Argentina, os alvinegros empataram sem gols e tiveram dois jogadores expulsos. Expulsões, aliás, têm sido a tônica do Corinthians em eliminações internacionais nos últimos anos.