O empate de 0 a 0 no jogo de ida das quartas de final da Libertadores contra o Botafogo não foi o destaque na Arena do Grêmio na quinta-feira (14). Jornalistas do Sul e do Centro do país, entre eles Jorge Nicola da ESPN Brasil, revelaram uma informação pouco conhecida pela torcida gremista. Pedro Geromel e Luan, ainda em recuperação, podem não estar em campo na decisão da competição continental contra o Botafogo na quarta (20), que acontece em Porto Alegre.

O jornalista afirmou, durante o programa BB Debate, que o zagueiro e o atacante estariam fazendo tratamento três vezes ao dia. De acordo com o profissional, são "informações de bastidores".

Dessa maneira, segundo Nicola, não seria certa a presença dos titulares contra o Botafogo.

As declarações vão contra o que o Grêmio anuncia sobre a situação dos dois jogadores. Segundo o vice de futebol do clube gaúcho, Odorico Roman, Luan e Pedro Geromel estariam próximos de voltar a jogar, apenas passando pela fase final do tratamento.

Luan está lesionado desde o dia 7 de setembro, com um estiramento na coxa. Enquanto isso, o zagueiro está com uma lesão muscular na coxa direita e está parado desde o mês de agosto. Junto das afirmações de Roman, o presidente gremista, Romildo Bolzan, decretou que os atletas só atuam se estiverem 100% fisicamente.

Outros veículos reproduzem a situação do zagueiro e do atacante, considerados os grandes trunfos gremistas para decisão. Conforme informações da Rádio GreNal, Luan e Pedro Geromel serão avaliados durante toda semana até a partida.

Para o jogo contra a Chapecoense, no domingo (17), pelo Campeonato Brasileirão, os atletas não estarão disponíveis. No entanto, a emissora noticia que a tendência é que as estrelas gremistas estejam a disposição para a decisão na Libertadores.

Por outro lado, o técnico Renato Portaluppi sabe que poderá voltar a contar com o volante Michel. O atleta apenas não atuou no jogo de ida do torneio continental porque estava suspenso.

Possível time do Grêmio para decisão

Ainda é cedo escalar a equipe gremista para a decisão da Libertadores, mas o técnico Renato Portaluppi não contará com muitas opções. Caso Luan e Geromel não joguem novamente, a equipe principal deve seguir com Bressan na defesa e Léo Moura na frente. A escalação seria: Marcelo Grohe; Edílson, Bressan, Kannemann, Cortez; Arthur, Michel, Ramiro, Léo Moura e Fernandinho; Lucas Barrios.

Caso Geromel e Luan consigam atuar, o Grêmio volta a ter sua escalação principal: Marcelo Grohe; Edílson, Geromel, Kannemann, Cortez; Arthur, Michel, Ramiro, Luan e Fernandinho; Lucas Barrios.