Finalmente chegou o tão esperado dia 27 de setembro, data em que Cruzeiro e Flamengo fazem, às 21h45, no estádio do Mineirão, o segundo e decisivo duelo pelo título da #Copa do Brasil. Diferente das outras fases, na grande final o gol marcado fora de casa não é usado como critério de desempate e caso a partida termine, assim como ocorreu no dia 7, no Maracanã, quando o placar apontou 1 a 1, o vencedor será conhecido nas penalidades. Para o jogo do ano das equipes, o técnico Mano Menezes faz mistério quanto à escalação, enquanto o flamenguista Reinaldo Rueda poderá contar com a volta de Everton [VIDEO].

Na última entrevista coletiva antes do jogo, o treinador cruzeirense optou por fazer mistério e sarcasticamente disse que apenas Alisson estava garantido como titular.

O meia se recuperou de uma lesão no joelho. Com Rafael Sobis suspenso pelo terceiro cartão amarelo, a tendência é que o jovem Raniel seja o titular no ataque, uma vez que Sassá não está inscrito. Ezequiel deve ser o titular na lateral-direita.

O provável time do Cruzeiro que deverá começar jogando terá Fábio no gol, a defesa será formada por Ezequiel, Léo, Murilo e Diego Barbosa. Hudson e Henrique serão a dupla de volantes, com Robinho, Thiago Neves e Alisson completando o meio de campo. Raniel será o atacante.

Boa notícia

Pelo lado do #Flamengo a boa notícia foi a liberação de Everton, que se recuperou de uma lesão de grau 2 na panturrilha, sofrida ainda no jogo de ida contra a Chapecoense, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Apesar de tê-lo à disposição, Reinaldo Rueda ainda não revelou se ele começará jogando.

A dúvida de quem seria o goleiro foi extinta há dez dias, com a contusão de Thiago, que foi titular no primeiro jogo, e assim Alex Muralha será o encarregado de defender a meta rubro-negra. O time do Flamengo que começará jogando terá Alex Muralha no gol, Pará, Rever, Juan e Renê formando a defesa. O meio de campo terá Cueélar, Willian e Diego. No ataque Berrío, Éverton (ou Paquetá) e Guerrero.

O trio de arbitragem virá de São Paulo, com Luiz Flávio de Oliveira sendo o árbitro do jogo. Ele será auxiliado por Marcelo Carvalho Van Gasse e Danilo Ricardo Simon Manis.

Boa grana

Além do celebrado título, o campeão da Copa do Brasil deste ano ganhará um ótimo reforço para seus cofres. O time que levantar o troféu, além de garantir uma vaga já na fase de grupos da Copa Libertadores, também embolsará R$ 6 milhões, enquanto que o vice ficará com R$ 2 milhões. #PaixãoPorFutebol