Eurico Brandão, vice de futebol do #Vasco, criticou e com razão o gol de Jô, feito com o braço na tarde deste domingo (17). O dirigente vascaíno afirmou que era melhor entregar logo a taça para o Corinthians [VIDEO]. Com várias críticas, ele falou sobre tudo, além de lembrar o lance de Rodrigo Caio, que evitou a suspensão de Jô no jogo seguinte da semi-final do Campeonato Paulista.

Uma das grandes polêmicas foi porque ele acusou os seguranças do #Corinthians de truculência contra ele nos corredores da Arena: ''Os seguranças são colocados pela federação em favor do futebol, não a favor do Corinthians. Se fosse assim, bastava colocar os seguranças do clube.

Estamos vendo que se cultua o errado. Nós temos que cobrar a federação do Rio para que faça o errado? Que trate mal o visitante? Um clube que vem jogar fora de casa tem os mesmos direitos do clube local'', afirmou Eurico Brandão.

Além disso, ele afirmou que os seguranças da federação paulista estavam fazendo relatórios para serem entregues a arbitragem e assim prejudicar o Vasco [VIDEO]da Gama.

No programa Bate-Bola, da ESPN, logo após a partida, o grande assunto foi o gol irregular de Jô, mas também comentaram sobre as frases do vice de futebol vascaíno. Mauro Cezar Pereira falou sobre as frases do dirigente, afirmando que São Januário é um ótimo estádio, antigo, mas um bom estádio.

Porém, ele lembrou que nem sempre as pessoas que trabalham no Vasco tomam as medidas necessárias e mais adequadas.

Mauro lembrou a partida polêmica contra o Flamengo, quando os jogadores e técnicos não tinham onde dar entrevista para a imprensa. Além disso, disse que não tinha o túnel inflável para os atletas flamenguistas deixarem o campo, obrigando a sair correndo do gramado.

''Nem sempre as pessoas que hoje estão no Vasco brigam pela boa recepção dos rivais. Não justifica se algo errado aconteceu em Itaquera, ele pode ter a razão, não acompanhei, ouvimos um lado, mas infelizmente o Vasco nem sempre tem o comportamento indicado para receber as equipes que vão jogar em São Januário'', disse Mauro.

O jornalista da ESPN Brasil também afirmou que o clube não recebe bem quando parte da imprensa os criticam, não sabendo lidar com isso. Acabam vetando a presença e proibindo a entrada de jornalistas.

Com o resultado, o Corinthians disparou na tabela de classificação, e o Vasco perdeu a oportunidade de colar novamente no G6. Mesmo assim, teve grandes evoluções nos últimos jogos. O time levou apenas 1 gol nos últimos três jogos e esse gol foi irregular. #Brasileirão