O Palmeiras [VIDEO] já está pensando no próximo ano. Os fracassos no Campeonato Paulista, na Copa do Brasil e na Copa Libertadores da América mostraram que não é somente dinheiro que decreta o sucesso de um time de Futebol. Com mais de R$ 100 milhões investidos em atletas, o Verdão briga apenas por uma vaga entre os quatro colocados. O líder Corinthians tem 50 pontos, 13 a mais que o Palmeiras. A briga existe, mas ainda é um sonho distante.

O técnico Cuca está preparando o time para encarar o Coritiba e já pensa em algumas mudanças. O lateral-direito Mayke [VIDEO] deve voltar para a posição, enquanto o atacante Dudu, também recuperado de lesão, deve assumir a vaga de Willian.

O atleta cumpre suspensão automática após ter sido expulso contra o Atlético Mineiro, em Minas Gerais. Na ocasião, o árbitro foi muito enérgico em alguns lances e gerou certa insatisfação na diretoria palmeirense, que entrou com ação na Confederação Brasileira de Futebol pedindo punição. A resposta ainda não saiu.

Reforço para a zaga

Em viagem recente, Alexandre Mattos, executivo de futebol, fechou com o Barcelona a permanência do zagueiro Yerry Mina até o final da Copa do Mundo da Rússia, em 2018. Os espanhóis acenaram com a possibilidade de levar o jogador já em dezembro, e o Verdão conseguiu contornar.

Visando à saída confirmada do jogador, o Palmeiras já fechou e tem acordo com o zagueiro Emerson Santos, do Botafogo-RJ. Em nenhum momento o clube paulista confirmou de forma oficial, mas, segundo o site Globo Esporte.com, Mattos conversou com dirigentes corintianos, que também tentavam levar Emerson.

A resposta foi a de que o clube alvinegro de Parque São Jorge não entraria em leilão, abrindo caminho para Mattos bater o martelo com o time carioca. Santos chega ao Palmeiras em dezembro e deve participar da pré-temporada com os demais colegas.

Já a contratação do zagueiro Juninho, do Coritiba, não vingou, e uma rescisão não está descartada. Luan, que veio do Vasco, também precisa provar mais para permanecer e ter chances.

Na base

Em vez de ficar buscando atletas fora, o Palmeiras voltou os olhos para a base do clube. O zagueiro Pedrão, que atua no sub-20, está emprestado pelo Água Santa. O jogador chama a atenção pela altura, força e habilidade, e deve ascender para o time profissional em 2018. O desejo do Palmeiras é comprar os outros 50% e mantê-lo no elenco. Algumas propostas da Europa, inclusive de times italianos, já chegaram para os empresários do jovem.