Encarando o 100º clássico de sua história, o Palmeiras recebe [VIDEO] o Santos neste sábado (30), às 16 horas, no Allianz Parque, em jogo válido pela 26º rodada do Campeonato Brasileiro. Separados por apenas um ponto, os times duelam pela vice-liderança e também para saber quem ficará com mais chances, entre eles, de tentar tomar a liderança do Corinthians nas rodadas finais. O Verdão tem os mesmos 43 pontos que o Grêmio [VIDEO], mas fica na quarta colocação pelos critérios de desempate. Já o Peixe está em segundo, com 44 pontos.

Ciente da importância do jogo, o técnico Cuca optou por fazer treinos fechados durante a semana, não permitindo que os jornalistas acompanhassem os trabalhos.

No entanto, é de conhecimento que ele não poderá contar com o zagueiro Edu Dracena e o lateral Egídio, que estão suspensos, mas em contrapartida terá a presença de Willian e Luan, que foram julgados nesta semana pelo STJD por conta das expulsões na partida diante do Atlético Mineiro e se livraram de uma punição maior do que a suspensão automática, já cumprida contra o Coritiba, há duas rodadas.

O provável time do #Palmeiras que entrará em campo terá Fernando Prass no gol, a defesa formada Mayke, Luan, Juninho e Zé Roberto. No meio de campo jogarão Jean, Tchê Tchê e Moisés. Na frente, Willian, Dudu e Deyverson.

Santos desfalcado

No Santos, o clima também foi de mistério, sendo que a maior incógnita é com relação a quem será o substituto de Renato, que está machucado. Matheus Jesus e Leandro Donizete brigam pela vaga.

Os melhores vídeos do dia

Já Lucas Lima e Victor Ferraz também estão fora, por estarem entregues ao Departamento Médico. Vicchio está fora por determinação do treinador santista.

O Peixe provavelmente entrará em campo com o goleiro Vanderlei, a defesa terá Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca. Alison, Matheus Jesus (ou Leandro Donizete) e Jean Mota, no meio de campo. Na frente, Copete, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira. Marcelo Aparecido de Souza será o árbitro do clássico. Ele será auxiliado por Anderson José de Moraes Coelho e Bruno Salgado Rizo, todos eles de São Paulo.

Quebrar tabu

Dos três grandes rivais do Palmeiras, o Corinthians foi o único a batê-lo em seu novo estádio. O São Paulo só conheceu derrotas em todas as vezes que por lá esteve, algumas bem doloridas. Apesar de ter um retrospecto tão ruim quanto o do Tricolor, o Santos também não venceu o rival verde em seu estádio. Em cinco jogos, foram três derrotas e dois empates.

No entanto, as duas últimas vezes em que o Peixe jogou no campo palmeirense, não saiu derrotado. Em fevereiro do ano passado, pelo Campeonato Paulista, os times empataram sem gols, enquanto que no ano passado, pelo #Brasileirão, o placar foi de 1 a 1. #PaixãoPorFutebol