Em má fase do Palmeiras e sendo uma das grandes decepções desde quando iniciou a onda de contratações do clube, o colombiano Miguel Borja pode estar deixando o Palestra Itália para dar lugar a um compatriota. Segundo notícia publicada pelos jornais colombianos El Deportivo e La Libertad, o armador Yimmi Chará teria despertado interesse dos dirigentes alviverdes.

O jogador de 26 anos tem se destacado defendendo o Junior Barranquilla, adversário do Sport Recife nas quartas de final da Copa Sul-Americana e o Palmeiras tentaria incluir Borja na negociação com o time da Colômbia para tentar vencer uma concorrência com o Flamengo, que também está interessado na contratação do atleta.

Após chegar com status de estrela, Borja nem de longe lembra o jogador que se destacou com a camisa do Atlético Nacional e já está há mais de três meses sem balançar das redes. Seu último foi marcado em 21 de junho, contra o Atlético Goianiense. Desde então são 14 jogos sem correr para o abraço. Na temporada ele marcou apenas sete gols, sendo quatro no Campeonato Paulista e três pelo Brasileirão.

Atuação aprovada

Falando no Borja, ele esteve em campo neste domingo I(24), nos minutos finais da vitória do Palmeiras contra o Fluminense no estádio do Maracanã, por 1 a 0, pela 25º rodada do Campeonato Brasileiro, resultado que fez o Verdão agora dividir a terceira colocação com o Grêmio, com 43 pontos e ficar apenas um do Santos, que por sinal será seu próximo adversário.

A distância para o líder Corinthians também diminuiu, estando agora em 11 pontos, isso faltando 13 rodadas para o termino da competição.

Essa reação nos segundo turno animou ao técnico Cuca, que ainda acredita na possibilidade de título. “A gente começou o returno 15 pontos atrás do líder, hoje a gente já tirou quatro pontos. Vamos indo, pouco a pouco”, afirmou o treinador após a partida contra o Fluminense.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Palmeiras

Nas próximas rodadas, além do Santos, o Palmeiras terá na sequencia três times que lutam para não serem rebaixados, sendo que dois deles encontram-se no Z-4: Bahia, Atlético Goianiense e Ponte Preta, sendo que apenas o jogo contra o Dragão será fora de casa. Para a comissão técnica, vencer esses jogos será fundamental para alcançar as primeiras colocações. Logo após a eliminação na Libertadores, Cuca havia afirmando que a meta palmeirense era vencer o segundo turno.

O Palmeiras volta a jogar no sábado (30), às 19 horas, contra o Santos, no Allianz Parque.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo