Antes da rodada deste meio de semana da Libertadores, o Santos ostentava o rótulo de único time invicto da competição. O Peixe chegara à fase de quartas de final sem ter tido uma derrota sequer ao longo do torneio. Mas perdeu justamente quando não poderia perder.

Nesta quarta-feira, para um público superior a 10 mil pessoas na Vila Belmiro, o Peixe não se encontrou e acabou perdendo por 1x0 para o Barcelona, do Equador, que marcou de cabeça com Álvez. O resultado [VIDEO] tirou o time da Vila, que havia conseguido um interessante empate em 1x1 fora de casa no jogo de ida.

Após a partida, o técnico Levir Culpi apareceu para a coletiva de imprensa com um semblante bastante fechado, sem o seu tradicional humor irreverente.

Sobre o jogo, ele reconheceu que o adversário mereceu o resultado e disse que o seu time sentiu muito a falta de dois jogadores titulares do meio campo: Renato e Lucas Lima, ambos ausentes por conta de lesão.

O Barcelona manteve a sina de ser o carrasco dos brasileiros nesta edição de 2017 da Libertadores da América. Além de ter eliminado o Palmeiras, nos pênaltis, no duelo de oitavas de final, o time equatoriano já havia vencido o Botafogo no Rio de Janeiro pela fase de grupos da competição. O próximo rival do clube do Equador é o Grêmio [VIDEO], na semi.