A parada do Campeonato Brasileiro por conta dos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas pode servir para recuperar o elenco fisicamente, mas não deve livrar o Corinthians de problemas para a partida contra o Coritiba. Para o duelo contra os paranaenses, o técnico Fábio Carille poderá ter pelo menos quatro desfalques. O duelo será no dia 11, às 21 horas, em Itaquera, em São Paulo.

Duas baixas já são certas: o lateral-direito Fagner e o meia Romero.

Na partida deste domingo (1º), contra o Cruzeiro os dois jogadores receberam o terceiro cartão amarelo e terão que cumprir suspensão contra o Coxa. As opções do treinador corintiano para substituí-lo são Léo Príncipe e Clayson.

Durante a pausa do Brasileirão o time poderá ganhar outros dois problemas por conta de julgamento no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva). Gabriel e Maycon serão julgados nesta segunda-feira (2) e também podem ser suspensos.

Gabriel será julgado por conta dos gestos obscenos dirigidos à torcida do São Paulo durante o clássico disputado no Morumbi. Enquadrado no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, o volante poderá pegar de uma a seis jogos de suspensão. Já Maycon será julgado por conta de um lance também ocorrido no clássico, um pisão dado no braço de Petros. Para ele, a pena pode chegar até a três jogos de gancho.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Corinthians PaixãoPorFutebol

Admitiu má fase

Um dos jogadores que vem mais sofrendo críticas por conta do baixo desempenho nas últimas rodadas, o meia Jadson admitiu a má fase após ser substituído pela segunda vez consecutiva durante uma partida. Mesmo defendido por Fábio Carille, que justificou sua saída dizendo que se deu por motivos técnicos, o jogador disse que irá aproveitar a parada do Brasileirão para se empenhar nos treinos.

“Quando a gente atravessa uma fase ruim, a única forma de superar é trabalhando. Uma hora ou outra o futebol vai melhorar e as coisas vão voltar a ser como estavam”, disse o jogador, que também prometeu trabalho e empenho.

Ainda no primeiro turno, no empate sem gols contra o Avaí, em Santa Catarina, o jogador sofreu uma fratura na costela, ficando vários jogos sem poder atuar. Porém, quando voltou, seu futebol já não foi mais o mesmo.

Seu último gol pelo Alvinegro foi no mês de julho, em cobrança de pênalti que abriu caminho para a vitória por 2 a 0 contra o Palmeiras. Mesmo com as atuações abaixo da média, Jadson deverá ser titular na partida do próximo dia 11 contra o Coritiba, até mesmo por conta da suspensão de Romero.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo