Cristiano Ronaldo já ganhou campeonatos, Copas, Ligas dos Campeões, Copa da Euopa. Individualmente, ganhou Bota de Ouro, Bola de Ouro e é unanimemente considerado como um dos melhores jogadores, na história do Futebol. Afinal, o que faltava a Ronaldo? Entrar no livro do Guinness? Se era isso, já foi conseguido. O jogador do Real Madrid [VIDEO] entra na edição do livro dos recordes de 2018. Seu mérito: ele é o único jogador de futebol a ter marcado em quatro Europeus de futebol.

O anúncio foi feito nessa segunda-feira pelo Guinness e enche de orgulho o jogador português, precisamente por uma distinção que ele consegue com sua seleção.

Na última Copa da Europa, Cristiano saiu como grande vencedor, mas não ficou por aí sua participação vencedora. O craque, de 32 anos, se tornou o primeiro jogador a conseguir fazer gol, em quatro Copas diferentes, o que nunca havia acontecido com jogador nenhum da história. E da Europa, naturalmente.

Cristiano estreou em 2004, na Copa disputada em Portugal. Tinha 18 anos e fez seu primeiro gol logo no jogo da estreia. Portugal perdeu de 2 a 1 com a Grécia, e foi Ronaldo quem marcou o primeiro gol. Depois, Portugal foi até a final, perdendo novamente para a Grécia, na final. Ronaldo já havia marcado seu segundo gol na prova, contra a Holanda, mas terminou a prova em lágrimas, após perder a final da Copa.

Em 2008, Cristiano Ronaldo marcou somente um gol.

Foi contra a República Checa, quando Portugal ganhou por 3 a 1. Portugal seria eliminado pouco depois, perdendo nas quartas-de-final contra a Alemanha, por 3 a 2. Esse esteve longe de ser o melhor ano de Cristiano com sua seleção.

Em 2012, Ronaldo fez mais três gols. O craque anotou dois contra a Holanda e um contra a República Checa. Depois, Portugal perdeu contra a Espanha, nos pênaltis, caindo na semifinal.

Em 2016, chegou finalmente a glória do português com sua seleção. Na Copa da França, Cristiano marcou três gols, sendo que dois foram contra a Hungria, ainda na fase de grupos, e marcou mais um contra o País de Gales, nas semifinais. Na final, o jogador saiu cedo da partida e, do banco, ele viu Éder sendo herói, fazendo o gol da vitória contra a França e dando a Portugal seu primeiro título. Ronaldo já havia ganho tudo no Manchester United e no Real Madrid, mas faltava a ele um título com sua seleção.

Com esses gols de 2016, Cristiano Ronaldo [VIDEO]se tornou no primeiro jogador a marcar em quatro Europeus.

O português leva nove gols nos quatro torneios, e igualou Michel Platini como melhor marcador de sempre na Copa da Europa. Em 2020, ele pode se isolar e aumentar mais ainda seu estatuto de lenda. Nessa altura, ele já vai ter 34 anos, mas com o português já deu para perceber que tudo é possível.