O estupro é um dos crimes mais sérios da sociedade. Muita gente não admite que possa ser vítima de um ato como esse. Alguns sofrem calados, enquanto outros decidem denunciar. O segundo caminho, segundo os especialistas, é a melhor escolha.

Um episódio de estupro que ocorreu ainda no século passado, ou seja, antes de 2001, enfim foi desvendado nesta semana, como mostra uma matéria do jornal carioca ‘’O Dia’’. Uma atleta da ginástica, na época, teria sido estuprada por uma lenda olímpica.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Agora o caminho dos dois voltou a se cruzar com a denúncia sobre o caso feita na internet. [VIDEO]

Acusação de estupro envolve atletas olímpicos e chama a atenção do mundo

Tatiana Gutso é a ex-atleta que acusa outra lenda do esporte a molestá-la.

No ano de 1992, ela foi campeã olímpica individual geral por equipes em Barcelona, na Espanha. Vitaly Scherbo é o acusado de fazer a ação. Ele é tido como um dos melhores do esporte da ginasta em todos os tempos.

Ao todo, Scherbo tem em sua carreira incríveis seis medalhas de ouro. As vitórias no mundo olímpico surpreenderam muita gente e, a partir de agora, são conhecidas do povo. Fãs ficaram desolados com a situação.

Estuprador da ginasta é descoberto e o mundo fica chocado com relato de atleta medalha de ouro

A revelação aparece em um momento em que muitas estrelas estão fazendo declarações sérias sobre o que pode ter motivado nomes importantes do teatro, televisão e até do esporte a cometerem terríveis abusos.

O acusado no caso do abuso na Olimpíada espanhola tem hoje 41 anos de idade.

Os melhores vídeos do dia

Já a estuprada diz que o estupro ocorreu quando estavam nos preparativos para os jogos, quando o mundo ainda não tinha a Ucrânia, mas sim a finada União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS).

Tatyana Toropova é acusada de se omitir em relação a estupro de colega

A atleta emocionou muita gente com o que contou. "Eu sobrevivi a você - Scherbo - e irei apoiar qualquer uma que quiser denunciar e que irá ganhar confiança em si mesma para ajudar outras", diz na postagem, onde salienta que se manteve por anos intimidada para que não contasse o caso para ninguém, mas que cansou na tentativa de ajudar outras pessoas.

Gutsu diz que após 27 anos decidiu ter coragem de falar sobre o caso ao mundo. Quem também recebeu acusações sérias sobre o abuso foi Tatyana Toropova, que é uma das maiores atletas da história. Ela teria se omitido a ajudar a colega sobre o crime, o que, para ela, jamais foi esquecido.

Deixe seu comentário.