O Flamengo foi até o Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), enfrentar a equipe da Ponte Preta pela 26ª Rodada do Campeonato Brasileiro. Os dois times precisavam da vitória por objetivos distintos. A Ponte, dona da casa, luta para escapar do rebaixamento e a vitória era fundamental para respirar melhor no Brasileirão. Já o Flamengo, que conta com um dos maiores investimentos do campeonato, precisava vencer para não se distanciar do G4.

Contudo, no primeiro tempo não se viu futebol. Um jogo sonolento, com muita ligação direta e pouca criatividade de ambas as equipes. Os dois times precisavam vencer, mas o futebol apresentado era bem abaixo do que se esperava no início da partida.

No segundo tempo, as equipes voltaram com mais movimentação, os jogadores aparecendo um pouco mais que no primeiro. A Ponte Preta, que estava totalmente perdida na primeira etapa e sendo dominada pelo Flamengo [VIDEO], começou a jogar e dar mais trabalho a marcação do Rubro-Negro.

Aos 7 minutos do segundo tempo, o jogador Jean Patrick, que entrou na fase complementar, aproveitou a boa ajeitada de Wendel e arriscou de fora da área. A bola deu uma pequena desviada no zagueiro Réver, o suficiente para tirar o goleiro Diego Alves da jogada e abrir o marcador para os donos da casa.

O Flamengo foi desorganizado para cima da Ponte Preta, buscando o empate. Entretanto, quem teve a chance de fazer mais um foi a macaca. Aos 17 minutos do segundo tempo, William Arão recuou mal para Réver, o zagueiro dá um carrinho dentro da área para afastar a bola e o arbitro da partida interpreta que houve pênalti em Lucca.

Contudo, Réver tocou na bola, sendo um pênalti mal marcado a favor da Ponte Preta.

O atacante Lucca foi para a marca da cal cobrar o pênalti. o goleiro Diego Alves catimbou um pouco antes do árbitro autorizar a cobrança. Lucca bateu mal e Diego Alves realizou a primeira defesa de pênalti com a camisa do Rubro-Negro carioca. O goleiro é um dos maiores pegadores de pênalti da atualidade e fez valer o seu rótulo.

A Ponte Preta ainda teve um jogador expulso. Naldo cometeu entrada violentíssima em Vinicius Jr. e levou vermelho direto. A partir daí, o Flamengo [VIDEO]foi para o abafa, mas completamente sem organização. Com o Fla em uma noite pouco inspirada, a Macaca se manteve fechadinha até o final da partida.

A Ponte conseguiu 3 pontos importantíssimos e respirar na briga contra o rebaixamento. Já o Flamengo perdeu grande oportunidade de ultrapassar o Botafogo e o Cruzeiro na tabela e segue devendo uma apresentação digna do seu investimento para a temporada.