O Palmeiras [VIDEO] terá no mês de novembro a sequência mais decisiva desde a eliminação na Copa Libertadores da América. O jogo principal será contra o Corinthians em Itaquera no outro final de semana. Na segunda-feira agora, no Allianz Parque, o Verdão recebe o Cruzeiro para tentar encostar no rival.

O Corinthians encara a Ponte Preta em Campinas em jogo complicado. O técnico Eduardo Baptista já prepara o time para encarar o jogo e o Timão não terá duelo fácil. Se perder e o Palmeiras ganhar, o jogo na Zona Leste virará uma verdadeira final de campeonato.

A diferença atual é de apenas seis pontos. Se cair para três e o Palmeiras vencer [VIDEO]o clássico, pega a liderança faltando seis rodadas para o fim da competição.

Nas duas últimas rodadas o Palmeiras joga no Allianz Parque e pode até confirmar o título dependendo dos resultados.

O técnico Alberto Valentim já garantiu nesta sexta-feira que Miguel Borja será titular novamente na segunda. O colombiano rompeu o jejum de gols ao assinalar um dos tentos contra a Ponte Preta no Pacaembu. Ao contrário de Cuca, Valentim dá espaço maior para o atacante confirmar sua adaptação ao Futebol brasileiro.

Reforço chegando do rival

No Santos uma notícia estourou como uma bomba. O lateral Zeca entrou na Justiça para romper contrato e ficar disponível no mercado. O atleta alegou atrasos salariais e discordância nas conversas de renovação. Ele não deve ter problemas para deixar a equipe santista.

O fato não é novo por lá. O volante Arouca e o goleiro Aranha também entraram com recurso para rescisão e foram parar no Palmeiras.

Alexandre Mattos, executivo de futebol, intermediou com o maior cuidado para não criar problemas entre as diretorias.

Com Zeca é diferente. O Palmeiras aguarda a decisão da Justiça para iniciar oficialmente o negócio. Mas o site ESPN já confirmou que diálogos estão acontecendo e que Zeca pode realmente jogar no time Verde em 2018 ao lado de Lucas Lima, outro atleta do Santos que não deve continuar.

Lucas Lima tem proposta da China mas, por enquanto, não deseja jogar no futebol asiático. Prefere ficar no Brasil em 2018 e tentar cavar uma das vagas na seleção do técnico Tite. Lima entende que com o Palmeiras disputando a Libertadores a visibilidade será maior.

A imprensa também especulou que Zeca poderia defender o Corinthians. Os Alvinegros não caminham bem financeiramente e buscam valores para quitar parte da arena que foi usada na Copa do Mundo e construída com dinheiro público.