As transferências de jogadores de Futebol envolvem cada vez mais dinheiro. Os clubes europeus parecem nem ter problema algum para pagar valores astronômicos pelos jogadores, e não só pelos consagrados. Agora, também as jovens estrelas são avaliadas em valores impensáveis, como aconteceu com os franceses Dembelé e Mbappé, que custaram mais de cem milhões de euros. Também por isso, um jogador sair de graça de um clube faz algum ruído, especialmente se estivermos falando de alguns dos melhores jogadores do mundo.

Não perca as atualizações mais recentes Siga o Canal Futebol

Veja os craques que podem sair de graça em junho de 2018:

1. Lionel Messi:

Este é o caso mais alarmante. O astro argentino fez toda sua carreira no Barcelona [VIDEO], time onde chegou com 12 anos.

Aos 30, ele poderia sair de graça, uma vez que ele vai adiando a renovação de seu contrato. O presidente do Barcelona, ​​Josep Maria Bartomeu, falou de um acordo de palavra com o craque, mas nada ainda de oficial. O Barcelona até estaria tentando propor um contrato vitalício para Messi, como fez com Iniesta, mas crescem os rumores que o 'dez' pode se juntar a Pep Guardiola no Manchester City e a custo zero, para o colosso inglês. Ele termina seu contrato em junho de 2018.

2. Zlatan Ibrahimovic:

O Manchester United [VIDEO] decidiu não renovar com o atacante sueco após a última temporada, já que ele estava se recuperando de uma ruptura do ligamento. Porém, no meio do mercado de transferências, eles assinaram novamente por uma época com o craque. Ele deve estar quase voltando a jogar, mas termina contrato também em junho do próximo ano.

3. Alexis Sánchez:

Guardiola queria o chileno no Manchester City e estava muito perto de chegar a acordo no último dia do mercado, mas a operação caiu. Por sua vez, Arsène Wenger já admitiu que não houve progresso na renovação e assume que eles poderiam tentar vender o jogador em janeiro, mesmo sabendo que já não vão conseguir um valor tão alto. É que em junho ele é livre para assinar de graça por outro time.

4. Mesut Özil:

Mais uma forte dor de cabeça para o Arsenal, uma vez que também o alemão não tem intenção de renovar. Sua situação é semelhante à de Alexis. De acordo com a imprensa inglesa, ele já contou a seus companheiros que vai trabalhar novamente com Mourinho, no Manchester United.

5. Arjen Robben:

O holandês estendeu seu contrato com o Bayern em janeiro deste ano, mas por uma única temporada. Ele tem 33 anos e sua continuidade dependerá dele, e também do clube.

6. Franck Ribéry:

O francês vive uma realidade semelhante à de seu colega holandês, com a diferença que o genial francês sofreu uma ruptura parcial do ligamento externo em seu joelho esquerdo, em outubro, e estará várias semanas fora.

7. Yaya Touré:

O meio-campista marfinense, de 34 anos, não tem jogado no Manchester City, com Guardiola, e tudo indica que essa será sua última temporada no clube. Depois, termina contrato e o clube não estaria interessado em renovar.

8. Mario Balotelli:

O italiano não dá muitas garantias pelos times por onde vai passando, quase sempre com passagens curtas. Tem jogado no Nice, mas só renovou por um ano, em junho. Resta saber se vai ou não continuar, sendo que em 2018, o italiano será um jogador livre.

9. Giorgio Chiellini:

A Juventus perdeu Leo Bonucci no mercado recente, após sua surpreendente saída para Milão, e agora poderia ficar sem outro de seus pilares na defesa. Além disso, Buffon anunciou que vai se aposentar até o final desta temporada. Por isso, renovar com Chiellini é prioridade no time.

10. Ander Herrera:

O Manchester United negociou com ele durante o verão europeu para ampliar a ligação, embora ainda não tenha havido acordo. ele é um dos indispensáveis de José Mourinho, o que pode ser um fator importante para ambas as partes.

11. Juan Mata:

O espanhol vive uma situação semelhante à de seu colega e compatriota Herrera.