O Fluminense, finalmente, deverá acabar com uma de suas grandes novelas. Segundo informações de bastidores, a rede de supermercados Prezunic está muito perto de acertar um contrato de patrocínio master com o Tricolor das Laranjeiras. Os valores desse provável acordo, que duraria até o final dessa temporada, podendo ser estendido por mais um ano, não foram divulgados.

A relação do clube com o grupo comercial se estreitou a partir do jogo contra o Palmeiras. Naquela ocasião, quem realizasse compras a partir de R$ 60, teria o direito a um ingresso gratuito para a partida disputada no Maracanã e que acabou vencida pelo time paulista pelo placar de 1 a 0.

A ideia da parceria foi possível graças ao novo vice-presidente comercial, Ronaldo Barcellos, pois a aproximação com o Flu foi facilitada porque a Cencosud S.A, rede de supermercados do Chile e uma das acionistas do Prezunic no território brasileiro, é cliente de uma das empresas do dirigente tricolor.

A busca por uma patrocinadora master se tornou uma espécie de obsessão nos corredores de Álvaro Chaves desde o final de 2014, quando, depois de 15 anos, houve o rompimento com a empresa médica Unimed. Inicialmente, o então presidente Peter Siemsen fechou um acordo com a Viton 44, empresa voltada para o ramo de bebidas energéticas e refrigerante, mas tal vínculo gerou sérios problemas e, menos de um ano depois, acabou sendo rompido. Durante esse período, chegou-se a firmar alguns contratos temporários com a TCL (telefonia chinesa) e a Caixa Econômica Federal.

Os melhores vídeos do dia

Nenhum deles, porém, teve prosseguimento.

Se realmente for confirmada, a Prezunic ocuparia o principal espaço na camisa do futebol profissional. No momento, a Thinkseg (empresa de seguros), a Tim (telefonia móvel) e Lafe (Laboratório de Análises Clínicas) exibem as suas marcas no uniforme dos jogadores.

Enquanto isso, dentro de campo, o objetivo do Fluminense é recuperar o bom momento do primeiro semestre. Em 16º lugar com 31 pontos, o Tricolor corre a série ameaça de, mais uma vez, ser rebaixado no Campeonato Brasileiro. Para isso, necessita de uma série de vitórias nessa reta final de competição e o primeiro desafio acontecerá nesta quinta, a partir das 17h (de Brasília), contra o Flamengo. Na sequência, a agremiação das Laranjeiras enfrentará, no domingo, também às 17h (de Brasília), o Avaí e, na quarta que vem, às 21h45 (de Brasília), o São Paulo. Todos esses jogos serão realizados no Maracanã.