O treino da manhã, realizado no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, deu a impressão de que Orejuela seria o escolhido para ocupar a vaga de Douglas, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Mas, no início da tarde deste sábado, o repórter Victor Mendes, da Rádio ‘Mais Esportes’, informou que Wendel foi perdoado por Abel Braga e será o segundo volante do #Fluminense no confronto de domingo, às 17h (de Brasília), no Maracanã, diante do Avaí, válido pela 28ª rodada do #Campeonato Brasileiro.

Principal revelação da equipe das Laranjeiras, na atual temporada, e chegando, inclusive, a quase ser negociado com o Paris Saint-Germain, no meio do ano, Wendel acabou sendo barrado no clássico de quinta passada, feriado de 12 de outubro (Dia de Nossa Senhora da Conceição Aparecida), diante do Flamengo.

Na ocasião, o técnico Abel Braga revelou que afastou o atleta porque ele não estava comprometido e só ganharia nova oportunidade se modificasse as suas atitudes.

Com 20 anos e natural de Duque de Caxias, região metropolitana do Rio de Janeiro, Wendel chegou ao Fluminense ainda nas categorias de base depois de passagem pelo ‘Tigres do Brasil’. Pelo profissional, disputou 47 jogos e marcou seis gols, sendo o mais bonito o assinalado no último dia 29 de junho, na goleada de 4 a 0 sobre a Universidad Católica de Quito, pela Copa Sul-Americana.

Outras mudanças

Além da entrada de Wendel no lugar de Douglas, haverá outra mudança em relação ao Fla-Flu e será na lateral-direita. Também punido pelo terceiro cartão amarelo, Lucas fica de fora. A tendência é que Renato seja o escolhido, mas existe a possibilidade de Abel optar por Matheus Norton.

Os melhores vídeos do dia

Com essa dúvida, o Fluminense deverá começar a busca por mais uma vitória no Brasileirão tendo a seguinte escalação: Diego Cavalieri, Renato (Matheus Norton), Gum, Reginaldo e Marlon; Richard, Wendel, Gustavo Scarpa e Junior Sornoza; Marcos Júnior e Henrique Dourado.

No momento, o Flu soma 32 pontos e ocupa o 16º lugar no principal certame do futebol nacional. Por conta disso, vencer o Avaí é fundamental para as pretensões tricolores de escapar de mais um rebaixamento na sua história. Querendo contar com o apoio do torcedor, a diretoria reduziu os preços dos ingressos para R$ 20 e espera por um público entre 30 mil a 40 mil. A busca, contudo, vem sendo pequena. Por enquanto, segundo parcial divulgada pela assessoria do Fluminense, apenas cinco mil bilhetes foram vendidos de maneira antecipada. #PaixãoPorFutebol