O Vasco da Gama enfrentou o São Paulo pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro, e saiu perdendo por 1x0 na etapa inicial, mas conseguiu igualar o placar no segundo tempo, após voltar com formação mais ofensiva do intervalo.

Depois de problemas envolvendo torcedores violentos em clássico contra o Flamengo no mês de julho, durante o primeiro turno, e mandar seus jogos no Maracanã, o Vasco voltou a reencontrar o Estádio São Januário, que recebeu um público de 16.439 pagantes.

O incentivo das arquibancadas, além de tentar empurrar o time para uma vitória, tinha a expectativa de alcançar o G7 da competição, posição que possibilita classificação para a Libertadores.

Pelo lado tricolor, os paulistas que estavam com 43 pontos antes do duelo, buscavam vencer para se livrar o mais breve possível da possibilidade de rebaixamento, pela conta de sua comissão técnica, mais 4 pontos são o suficiente para chegar ao objetivo; os são-paulinos não conseguiram sobrepor os cariocas, saíram com um empate chegando aos 44 pontos e precisam de mais um resultado positivo para alcançar a meta estipulada faltando quatro jogos para acabar o brasileiro.

O técnico Zé Ricardo escalou o gigante da colina com Gabriel Félix, Madson, Lucas Rocha, Paulão, Henrique, Jean, Gilberto, Yago Pikachu, Nenê, Paulinho e André Rios; Dorival Junior, comandante do time do Morumbi, começou com Sidão, Éder Militão, Arboleda, Rodrigo Caio, Edimar, Jucilei, Petros, Maicosuel, Hernanes, Marcos Guilherme e Lucas Pratto.

Principais lances do confronto

Quem teve uma postura mais ofensiva foi o time da casa, que controlou a maioria do primeiro tempo e criou mais chances pela marcação alta que fazia no campo de ataque, forçando o erro na saída de bola e na troca de passes dos comandados de Dorival.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
São Paulo FC

O primeiro momento de perigo real foi em cobrança de falta de Nenê aos 31 minutos, ele bateu colocado encobrindo a barreira e a bola passou perto da trave esquerda. Os visitantes responderam aos 35’ com Maicosuel, o atleta entrou na área pela esquerda e chutou tirando do goleiro Gabriel Félix, passou perto, porém não abriu a contagem do marcador.

Quem conseguiu balançar as redes foi Marcos Guilherme aos 39’, ele roubou a bola de Jean que tentou sair jogando e acertou uma bomba no ângulo esquerdo, fazendo o gol de maneira indefensável para o arqueiro.

Na etapa complementar o Vasco voltou mais ofensivo e pressionou os paulistas, a primeira oportunidade foi com Evander, que entrou no lugar de Gilberto na volta do intervalo, o meio-campista bateu falta e a bola passou muito perto da trave esquerda de Sidão; Paulinho também tentou aos 12’ um chute da entrada da área, mas mandou por cima do travessão.

Aos 24’ após levantamento feito pela direita, houve um bate rebate, e a bola sobrou para Caio Monteiro, que havia entrado no lugar de Yago Pikachu aos 13’, ele encheu o pé direito e Sidão fez grande defesa; o gol de empate saiu após chute de Nenê, a bola desviou em Rodrigo Caio e sobrou para Caio Monteiro finalizar de chapa tirando do goleiro aos 30’.

Rodrigo Caio, zagueiro que completou 250 jogos com a camisa do São Paulo neste domingo, quase marcou de cabeça aos 36’, após Lucas Fernandes, que substituiu Maicosuel aos 20’ cobrar escanteio, a bola passou perto levando perigo.

Logo depois aos 38’ Éder Militão foi expulso por acertar o pé direito no peito de Henrique em disputa pela lateral, deixando os visitantes com a menos. O Vasco buscou a virada até o fim, mas sem êxito, aos 50’ Leandro Pedro Voaden, árbitro do duelo, apitou para encerrar a partida.

Substituições

  • Vasco: Saíram Gilberto para entrada de Evander, Yago Pikachu por Caio Monteiro e Jean por Wagner
  • São Paulo: Maicosuel saiu para entrada de Lucas Fernades, Lucas Pratto por Gilberto e Marcos Guilherme por Aderllan Santos

Cartões amarelos

  • Mandante: Henrique e Caio Monteiro
  • Visitante: Edimar e Arboleda

Cartão vermelho

Éder Militão

Com o 1x1 entre as equipes, o São Paulo chega a 5 jogos sem perder, com 3 vitórias e dois empates, já os cruz-maltinos foram a dez jogos invictos, com 6 empates e 4 vitórias.

Na quarta-feira o tricolor vai até Porto Alegre enfrentar o Grêmio às 19h30min, e os vascaínos recebem o Atlético Mineiro às 21h45min.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo