Cristiano Ronaldo aperta o técnico Zinedine Zidane por causa de Isco. Para Ronaldo, a causa dos males do time é o meia espanhol Isco Alarcón e o mau ambiente que ele vai gerando no vestiário do Real Madrid. As coisas vão mal no Campeonato Espanhol e Cristiano acredita mesmo [VIDEO] que o problema está em Isco, que ele desejaria ver longe. Enquanto isso, na Champions League, o craque voltou a sua melhor versão e até bateu mais um recorde.

De acordo com o site espanhol Don Balón, já há algumas semanas que Cristiano Ronaldo e também Karim Benzema estão se afastando de Isco, que vai ganhando cada vez mais proeminência no vestiário dos brancos, especialmente em um grupo mais espanhol do time.

Essa importância ou liderança de Isco está irritando muito a Ronaldo, como veio agora a afirmar Eduardo Inda, em declarações para o programa de TV espanhol El Chiringuito: "Cristiano diz que Isco o prejudica, ele se sente mais confortável jogando sem Isco do que quando ele joga."

Isco, pouco a pouco, está sabendo criar um grupo forte de jogadores que se sentem como ele no time. Eles se acham desfavorecidos por Zidane, que vai beneficiando alguns mimados do time. Por isso, eles estão se juntando, o que vai deixando Ronaldo furioso, se sentindo à parte. Ele já teria referido que seus companheiros não passam a bola para ele e nem dão assistências.

Marco Asensio, Lucas Vázquez, Nacho, Dani Ceballos, Carvajal e até Sergio Ramos estão cada vez mais se unindo a Isco e eles acreditam que o time fica mais forte sem Ronaldo, que pensa precisamente o contrário.

A verdade é que todas essas guerrinhas de vestiário não estão dando bons resultados no Real, que já vai dez pontos atrás do rival e líder Barcelona na luta pelo Campeonato Espanhol.

Ronaldo bateu mais um recorde

Cristiano Ronaldo [VIDEO] está em crise, dizem um pouco por todo o mundo. No campeonato, o melhor jogador do mundo fez apenas um gol nas 12 rodadas iniciais, sendo que ele não atuou nas quatro primeiras. O craque vai chutando mais que ninguém, mas não consegue fazer gols.

No entanto, tudo muda para o jogador português quando o assunto é Champions. Contra o Apoel, no Chipre, nesta terça-feira (21), o astro do Real Madrid regressou a sua melhor forma e fez dois gols, na goleada por 6 a 0 dos merengues. Com isso, o Real já está garantido para a próxima fase, mas vai se classificar na segunda posição, atrás do Tottenham, que foi primeiro, por ter ganhado contra o Real.

Mesmo estando longe de seu melhor momento de forma, Ronaldo bateu mais um importante recorde e é o primeiro jogador que marcou 18 gols em um ano civil na Champions. Curiosamente, o anterior registro era de... Cristiano Ronaldo. O craque bateu o seu próprio recorde, que era de 16 gols, em 2015.