Não bastasse as poucas opções disponíveis no seu elenco, o #Fluminense sofreu, nesta segunda, mais um importante baque, visando o restante da temporada. Em exame realizado, ficou constatado que o volante Richard sofreu um estiramento muscular grau 2 na panturrilha esquerda. O departamento médico não quis estipular qualquer tipo de previsão de retorno, mas, pela gravidade da lesão, é quase certo que o atleta só volte a campo no ano que vem.

Richard se lesionou no segundo tempo do clássico diante do Botafogo do último sábado, no Nilton Santos. Na ocasião, ele foi substituído por Matheus Alessandro, que, curiosamente, marcou o gol da vitória de 2 a 1 do Tricolor.

Sob uma enorme desconfiança, Richard chegou ao Fluminense após se destacar na Série A-2 do Campeonato Paulista vestindo a camisa do Atibaia. Aos poucos, foi conquistando o seu espaço e, no momento, é considerado uma das principais peças do grupo dirigido pelo técnico Abel Braga.

Com o desfalque de Richard [VIDEO], Marlon Freitas é o favorito para exercer a função de primeiro volante. Outra possibilidade é a utilização do experiente Pierre, que não joga desde o triunfo de 2 a 1 sobre o Atlético-MG, na Arena Independência, em Belo Horizonte, devido a uma fratura no tornozelo. Abel também pode optar por uma formação mais ofensiva e escalar Douglas ao lado de Wendel ou improvisar o zagueiro Henrique, que, nos tempos de Palmeiras, já atuou na posição.

Após o domingo de folga, o Fluminense [VIDEO] se reapresentou no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca.

Enquanto os titulares fizeram atividades físicas na academia e correram ao redor do gramado, os demais realizaram uma atividade tática em campo reduzido. Destaque para Wellington Silva. Com um problema crônico na região pubiana, o atacante treinou sem qualquer tipo de limitação.

Na terça, a partir das 10h (de Brasília), o elenco retorna ao CT Pedro Antônio e Abel Braga deverá começar a definir a equipe que, na próxima quinta, às 21h (de Brasília), enfrentará, no Maracanã, o Coritiba pela 33ª rodada do #Campeonato Brasileiro. Somando 42 pontos e na 13ª colocação, o Tricolor das Laranjeiras ficou mais distante do Z-4, zona de rebaixamento para a Segunda Divisão e, se vencer o time paranaense, dependendo de uma combinação de resultados, pode aproximar-se do grupo daqueles que, em 2018, estariam representando o país no torneio mais importante do futebol sul-americano, a Taça Libertadores. #PaixãoPorFutebol