O Palmeiras já vem procurando reforços para a temporada que vem. O diretor de Futebol Alexandre Mattos está ocupado buscando jogadores que estão em destaque no mercado ou então alguns atletas que atuam clubes pequenos e têm condições de se destacar em uma equipe grande como a Sociedade Esportiva Palmeiras, mas ainda não tiveram oportunidades.

Além de contratar muito com o apoio do investimento feito pela empresária Leila Pereira, dona da Crefisa e Faculdade das Américas, a diretoria do Alviverde paulista também deseja vender alguns jogadores que não serão utilizados na temporada que vem. Eles deixam a equipe com excesso de jogadores e com muitos salários para pagar.

Por esse fato, Mattos procura reforços necessários.

A posição que está precisando de um reforço no Palmeiras, além da lateral-esquerda, que já tem o Diogo Barbosa contratado, é o setor do goleiro, pois a equipe conta com Fernando Prass e Jaílson, mas ambos já passando dos 30 anos e estão perto de uma possível aposentadoria. Com isso, a equipe foi buscar um novo defensor.

A ideia do Palmeiras era buscar um goleiro bom que não fosse preciso gastar muito para tê-lo. Para isso, o dirigente de futebol Alexandre Mattos foi ver o futebol da Série B, pois lá podem ter grandes talentos que não estão com destaque no mercado por falta de visibilidade e só faltam uma oportunidade.

Ao procurar alguns reforços para o setor de goleiro, o diretor Alexandre Mattos ficou sabendo do goleiro destaque da Série B, que é o César, do Londrina, clube que briga para entra no G-4 do Campeonato Brasileiro da segunda divisão e conseguir o acesso para a Série A.

Muito da boa campanha do time paranaense na Série B se deve a atuação de César.

O goleiro paranaense chamou a atenção da diretoria do Alviverde quando foi o herói da equipe no título da Primeira Liga, pois o clube de Londrina venceu o Cruzeiro, na semifinal, e o Atlético Mineiro, na final, ambos por disputas de pênaltis, O clube paranaense conseguiu ser campeão da competição e muito do mérito foi ao goleiro César, que auxiliou a equipe na campanha histórica do clube paranaense [VIDEO].

Diogo Barbosa custou 4,5 milhões de euros (R$ 17,7 milhões) ao Palmeiras e foi considerado um reforço muito caro. Por conta disso, boa parte da torcida critica o diretor de futebol Alexandre Mattos [VIDEO] por ter contratado o jogador por um valor tão alto, mas agora o mesmo é muito elogiado por ter contratado um goleiro de forma barata.