O Real Madrid está vivendo uma crise neste início de temporada. O time espanhol já está oito pontos atrás do líder Barcelona em apenas dez jogos da La Liga. Naturalmente, ainda faltam muitas partidas pela frente, mas o Real Madrid nunca se recuperou de uma desvantagem de oito pontos para o líder, e crescem as preocupações. Os torcedores não acreditam que o time possa vencer o campeonato, e já se apontam culpados.

Publicidade
Publicidade

Nem Zidane e Cristiano Ronaldo parecem escapar dos críticos.

Depois de um ano de sonho, em que o time venceu quase tudo, a nova época do Real está se tornando em um pesadelo. O Real ainda começou bem, vencendo duas Supercopas, a da Europa, contra o Manchester, e a da Espanha, contra o Barcelona. Porém, quando tudo parecia ir bem para o Real e mal para o Barça, começou o Campeonato Espanhol e tudo mudou.

Publicidade

Enquanto o Barcelona vai muito bem, e tem apenas dois empates, um no campeonato contra o Atlético de Madrid, e um na Champions League contra o Olympiakos, já o Real vai perdendo muitos pontos. Foi assim contra o Valência, Betis, Levante e Girona, no Espanhol, e também já empataram na Champions, em casa, contra o Tottenham. Porém, na no torneio internacional, as coisas nem parecem assim tão más e os merengues estão no bom caminho para passarem a fase de grupos.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol

No Campeonato Espanhol, é que a situação é mais preocupante.

O time do técnico Zidane não está bem. Mas além do treinador francês, um dos grandes nomes que está sendo apontado é o de Cristiano Ronaldo. O português está completamente desaparecido dos jogos no campeonato. Apenas um gol em seis jogos da liga é uma marca muito baixa, especialmente, para alguém que já fez 40 arremates, mas celebrou apenas um gol.

As sensações, além disso, não são nada positivas. O problema para Cristiano é sério, e isso é referido dentro do vestiário, onde eles estão apontando para o português.

Alguns nomes mais importantes no vestiário, como Isco, Modric e Sergio Ramos, são claros que a queda do português é um dos principais motivos da crise. O único que é capaz de puxar o time e levar o jogo para a frente é Isco, que sente falta de parceiros.

Publicidade

O espanhol sentiu-se completamente sozinho em Girona, e com a sensação de que, se ele não estiver bem, a equipe não funciona.

Uma ideia compartilhada por Luka Modric e Ramos, que veem em Isco e não em Cristiano o jogador que pode marcar a diferença nesta temporada. Mesmo assim, a equipe está necessitada dos gols do português e, por enquanto, eles ainda não chegaram.

Ronaldo foi eleito o melhor jogador do mundo ainda na semana passada, mas, nesse momento, seus colegas não veem isso no português e não estão confiando mais nele para resolver os jogos.

Publicidade

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo