O treinador do Palmeiras, Alberto Valentim, assumiu o comando da equipe interinamente desde que o Técnico Cuca, que tinha sido campeão brasileiro pela equipe em 2016, foi demitido. Valentim vinha tendo uma boa sequência e era unanimidade para ficar no cargo em 2018, mas após duas derrotas consecutivas, contra Corinthians e Vitória, a diretoria do Verdão já estudou a possibilidade de um novo treinador.

Alberto Valentim já teve uma experiência como treinador do RB Brasil, pois a sua intenção, desde que se aposentou como jogador da lateral-esquerda, era se tornar um técnico, mas no pequeno clube da RB acabou fracassando na campanha do Campeonato Paulista.

Publicidade
Publicidade

Após isso, o ex-jogador foi para o Palmeiras ser auxiliar técnico, assim ganhando experiência e aguardando oportunidades.

Em todos os clubes brasileiros, quando um treinador é demitido, quem assume a posição interinamente é o auxiliar técnico, até que se encontre um substituto para a posição do ex-treinador da equipe, mas muitas vezes o trabalho do técnico interino acaba sendo muito bom e o mesmo sendo efetivado, assim como aconteceu no Corinthians com o ex-auxiliar e estreante como treinador, Fábio Carille.

Publicidade

O treinador Alberto Valentim ainda está como interino no cargo e não foi efetivado, pois a diretoria considerava que ele iria conseguir dar um sufoco no Corinthians na briga pelo título do Campeonato Brasileiro de 2017, mas o mesmo não conseguiu. Agora, o técnico parece ter revelado o que vai acontecer em 2018.

Em uma entrevista coletiva, um repórter perguntou ao técnico se o mesmo já está participando da preparação da equipe para a temporada de 2018 ao falar sobre a nova contratação do clube, o lateral-esquerdo Diogo Barbosa, comprado junto ao Cruzeiro, mas a resposta do treinador não foi satisfatória para os seus apoiadores.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Palmeiras

O comandante interino da equipe afirmou em sua resposta que participou sim de algumas poucas conversas sobre a temporada de 2018, mas na função de auxiliar técnico, o que ele já vinha sendo na temporada passada. Foi este o fator que acabou desanimando um pouco os que gostariam de sua permanência como treinador da equipe alviverde da capital.

Agora, tudo depende de um excelente fim de Campeonato Brasileiro e, pelo menos, uma segunda colocação na competição para que o treinador tenha grandes chances de continuar no comando da equipe, caso contrário, outro treinador de renome deve assumir o cargo.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo