As equipes estão montando seus grupos para a disputa da próxima temporada e as negociações estão agitadas. O nome de Bruno Silva é o mais cotado para deixar o #Botafogo-RJ, estando na mira do Cruzeiro e Internacional. A equipe gaúcha fez uma reunião com o Alvinegro para tentar viabilizar a ida do atleta para o Rio Grande [VIDEO] do Sul.

Carlos Eduardo Pereira, presidente botafoguense, enalteceu o atleta e disse que, para trocar, precisa ser com um atleta do mesmo nível. ''Claro que a troca só nos interessa se for no mesmo padrão de jogadores. O Bruno [VIDEO] é titular do Botafogo e extremamente importante. Quando se fala em uma negociação por troca, tem que pensar uma posição em que o Botafogo esteja precisando e que o jogador que venha tenha a mesma qualidade técnica.

Nós falamos em alguns atletas, mas não temos nada ainda. O Pottker já interessou ao Botafogo. Temos o interesse na sua contratação em outra oportunidade'', afirmou o dirigente em conversa com a Rádio Gaúcha.

No início de 2017, o Botafogo avançou nas tentativas de contratar William Pottker, que até então jogava na Ponte Preta. Porém, o negócio não avançou, e o Corinthians por pouco não o contratou. Porém, no final, ele foi atuar no Internacional de Porto Alegre, agora se tornado um dos nomes que podem ser oferecidos ao Glorioso em uma possível troca.

O Cruzeiro está avançando na negociação. A diretoria botafoguense vê alguns jogadores no time mineiro com bons olhos, como Arrascaeta e Rafinha, nomes que podem jogar no Alvinegro em 2018 em troca da liberação de Bruno Silva para o #Futebol mineiro.

O contrato do jogador com o Botafogo ainda tem mais um ano de duração. O vínculo acabará em dezembro de 2018 e a sua multa rescisória é de 20 milhões de reais, mas apenas 8 milhões iriam para o bolso botafoguense.

O time do técnico Jair Ventura terminou a temporada em baixa. Após um ano de muita correria e um bom futebol, parece que o curto elenco cansou, deixando, assim, a equipe sem saber de onde tirar mais forças para vencer os últimos jogos do Campeonato Brasileiro.

A tendência para 2018 é aumentar as opções para Jair Ventura, deixando o treinador com mais nomes à disposição, podendo mudar o esquema tático na partida e conseguir ir até o final do ano com o mesmo ritmo de jogo. Bruno tende a ser o segundo grande nome a deixar o Glorioso. O primeiro foi Roger, que acertou a sua ida para o Internacional e obrigará a diretoria buscar no mercado um nome com boa qualidade técnica para substitui-lo à altura. #Inter