Atuando nesta quarta-feira (20), no ginásio United Center, o Chicago Bulls voltou a vencer pela NBA, desta vez o oponente superado foi o Orlando Magic. O resultado do confronto terminou em 112 a 94, placar que rendeu o sétimo triunfo consecutivo à equipe vermelha.

Com o êxito obtido na partida, a franquia comandada pelo técnico Fred Hoiberg começa a viver um outro momento dentro da competição, pois até aqui foram 10 jogos vencidos e 20 perdidos. Antes da sequência positiva, seu time havia sofrido uma série de 10 derrotas. A história começou a mudar a partir do duelo contra o Charlotte Hornets, no dia 8 de dezembro, quando venceu por 119x111.

Desde então, seu grupo não sabe o que é perder.

Antes do início da temporada, dois atletas do Chicago acabaram brigando durante um treinamento, Bobby Portis e Nikola Mirotic. Portis acertou um soco na face do espanhol, fraturando-a, impossibilitando o colega de participar dos primeiros 23 confrontos do campeonato. Com a volta de Mirotic, a fase da agremiação mudou e o desempenho melhorou.

História do jogo

No primeiro quarto, os Bulls largaram na frente e fizeram um placar de 31x24. Denzel Valentine converteu bolas de três pontos e Robin Lopez exerceu bem o pivô, levando dificuldade para a marcação do Orlando.

O quarto seguinte terminou 28x24 para o Chicago, Jerian Grant, Bobby Portis e Mirotic mantiveram a força do time no ataque e continuaram ampliando o marcador. Pelo lado do Orlando Magic, Elfrid Payton se destacou ofensivamente.

Na segunda etapa, Kris Dunn e Justin Holiday demonstraram habilidade em alguns lances que resultaram em cestas. O momento mais bonito ocorreu faltando 4 minutos e 36 segundos para terminar o terceiro quarto. Holiday acertou um lançamento antes do meio da quadra, e Lauri Markkanen enterrou, pendurando-se no aro para os donos da casa, que ganharam também este período, fazendo 31x18.

Os visitantes ficaram à frente no quarto final por 28x22, mas não foi o suficiente para deter mais uma boa atuação do Chicago Bulls.

Destaques individuais

  • Chicago- Denzel Valentine, 16 pontos, 5 assistências e 10 rebotes; Kris Dunn, 15 pontos, 7 assistências e 6 rebotes; Nikola Mirotic, 15 pontos, 1 assistência e 10 rebotes.
  • Magic- Nikola Vucevic, 18 pontos, 5 assistências e 10 rebotes; Eifrid Payton, 14 pontos, 8 assistências e 6 rebotes; D.J Augustin, 14 pontos, 1 assistência e nenhum rebote.

Próximos confrontos

  • Cleveland Cavaliers e Chicago Bulls, Quicken Loans Arena, Quinta-feira (21), às 22h. (horário de Brasília)
  • Orlando Magic e New Orleans Pelicans, Amway Center, Sexta-feira (22), às 22h. (horário de Brasília)