A busca de reforços para o time do Corinthians [VIDEO], que nesta semana perdeu mais uma importante peça na conquista do heptacampeonato brasileiro, não está sendo tarefa fácil. Além de já ter perdido três jogadores de seu time considerado titular, o clube agora enfrenta dificuldades em trazer reforços para seu elenco em uma temporada, que dentre tantas competições, terá a Copa Libertadores da América [VIDEO] como seu principal foco.

Uma peça dada como certa, ainda mais após as declarações do jogador dando conta do desejo de jogar no time do Parque São Jorge, acabou tomando novos rumos. A contratação do colombiano Santiago Tréllez sofreu um revés nos últimos dias.

Dono dos direitos federativos do atacante, o Vitória não abre mão de receber os 10 milhões de reais, valor estipulado da multa rescisória em caso de transferência para outro clube brasileiro. A postura do clube nordestino contraria as expectativas corintianas de tentar outras formas de bancar o jogador.

Atravessando um momento financeiro complicado, mesmo podendo contar com o dinheiro da ida de Jô para o Futebol japonês, a diretoria do alvinegro buscava tentar convencer os baianos a aceitarem outros jogadores do elenco como parte do pagamento.

Além de não aceitar jogadores como parte do pagamento, a postura do time paulista também desagradou, e muito, os dirigentes rubro-negros, uma vez que o clube paulista não teria apresentado qualquer oferta por escrito ou feito algum contato oficial direto com o Vitória.

O Corinthians justificava a demora em fazer um contato alegando que o clube baiano estava em processo eleitoral, porém, mesmo após o pleito, nenhum contato foi feito e o jogador vem pressionando a diretoria para aceitar a transferência.

Já tem data para assinar

Se por um lado a transferência de Tréllez segue indefinida, com o volante Renê Júnior, que virá do rival Bahia, está tudo certo. Ainda a ser anunciado pelo clube alvinegro, o jogador disse que assinará contrato no próximo dia 3 de janeiro. O acordo será válido por três temporadas.

O jogador, que esteve neste sábado (23), em Caieiras, na Grande São Paulo, participando de um jogo beneficente organizado por Marcos Assunção, acredita que a saída de três jogadores titulares do clube não irá prejudicar o desempenho da equipe em 2018. “No ano passado era a quarta força e terminou campeão brasileiro”, disse o novo reforço corintiano.

Apesar de muitas especulações, de forma oficial o Corinthians apresentou apenas o atacante Júnior Dutra, que disputou o último Campeonato Brasileiro com a equipe do Avaí.