O Palmeiras fechou a contratação do seu quinto reforço para 2018. O lateral-direito Marcos Rocha, do Atlético Mineiro, é a possivelmente a última contratação do Verdão para as disputas dos campeonatos da próxima temporada.

O lateral Marcos Rocha, o meia Lucas Lima, o lateral Diogo Barbosa, o goleiro Weverton e o zagueiro Emerson Santos foram confirmados pelo clube. Ainda existem negócios em andamento e são mantidos sob sigilo pela diretoria.

O atacante Ricardo Goulart, que está no Futebol chinês, já pediu sua liberação e aguarda autorização para deixar o país asiático. Assim que conseguir, deve voltar ao Brasil e conversar diretamente com o Palmeiras. O Cruzeiro, seu ex-clube, tentou conversas com os chineses e entendeu que os valores envolvidos no negócio são fora da realidade financeira brasileira atualmente.

De saída

O lateral Fabiano deve ser negociado.

A chegada de Marcos Rocha para a posição superlotou o setor e deve deixá-lo como quarta ou quinta opção. Mayke e João Pedro são opções, além de Jean e Tchê Tchê que podem atuar no setor.

O Palmeiras já tem algumas propostas e promete analisar no começo do ano. João Pedro também tem algumas propostas e pode ser negociado em breve.

Estreia

O Alviverde estreia dia 17 de janeiro no Campeonato Paulista contra o Santo André, no Allianz Parque.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Palmeiras

Até lá, o técnico Roger Machado terá pouco tempo para montar o time, mas já tem em mente uma projeção. Os treinos irão definir quem de fato ganhará a posição.

O zagueiro Yerry Mina não tem mais nem a foto nos vestiários do Allianz Parque e da Academia de Futebol. O jogador foi negociado com o Barcelona e deve ir para a Espanha já em janeiro. O presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, esteve no país tratando do assunto e conseguiu adiar, mas os espanhóis mudaram de ideia.

Sem Mina, os zagueiros Edu Dracena e Emerson Santos são os favoritos. Juninho e Luan correm por fora, apesar de receberem muitas críticas de torcedores palmeirenses pelo desempenho na temporada 2017.

Sem priorizar

A diretoria definiu que o Palmeiras não vai priorizar nenhum campeonato e que todos terão a mesma importância. Roger Machado também foi informado para entrar com força máxima em todas as competições.

Em 2017, teve um clamor muito forte pela Libertadores e a eliminação para o Barcelona, do Equador, em casa trouxe uma séria decepção. A queda no torneio continental refletiu no desempenho do Campeonato Brasileiro e custou o título, com o Palmeiras ficando em segundo lugar.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo