Desde os primeiros jogos de 2017, Bruno Silva foi se destacando e se tornando para muitos o melhor jogador botafoguense na temporada. Com o bom Futebol, é normal o interesse de outras equipes pelo seu futebol. Cruzeiro e Internacional estão disputando a sua contratação e o Botafogo analisando qual é a melhor proposta para a saída do seu atleta.

Desde o início da negociação, o Internacional não foi prioridade.

O Cruzeiro está muito próximo de um acerto e a vontade da concretização não vem somente do clube mineiro, mas também de Bruno Silva. Em entrevista a Rádio Itatiaia, nesse sábado, Bruno deixou claro onde deseja jogar.

''Estou muito feliz pelo o interesse do Cruzeiro, sou de Minas e sei da sua história. Fiquei muito feliz. Espero que seja bom para todas as partes, para o Cruzeiro, para mim, para o Botafogo'', disse o jogador.

O Cruzeiro tem uma carta na manga para tentar a sua contratação. Isso porque o time mineiro é o atual campeão da Copa do Brasil, sendo assim estará na fase de grupos da Libertadores e ajudando na negociação.

''Eu sou muito grato ao Botafogo, porém, tenho o sonho de disputar a Libertadores da América e o Cruzeiro irá jogar (…) Caso eu feche com o Cruzeiro, irei ficar muito feliz', disse o jogador em entrevista.

Não perca as últimas notícias!
Clique no tema que mais te interessa. Vamos te manter atualizado com todas as últimas novidades que você não deve perder.
Futebol Sport Club Internacional

As palavras do atleta não deixam dúvidas, o seu destino não será Porto Alegre, mas sim Belo Horizonte. O Internacional está montando um elenco para disputar títulos na temporada e Bruno Silva se encaixaria perfeitamente no esquema tático buscado pela diretoria colorada.

Alguns jogadores do Inter agradam ao Botafogo, o principal é William Pottker, antigo sonho botafoguense, mas nesse momento não há a mínima possibilidade da sua liberação.

Enquanto isso, o Cruzeiro parece ter mais opções que podem ser envolvidas no negócio, como Arrascaeta e Rafinha, nomes preferidos da diretoria botafoguense para serem envolvidos no negócio.

Bruno Silva foi contratado após se destacar na Chapecoense. Ele foi o autor do gol responsável por levar o Botafogo a última Libertadores da América e assim acabou ganhando mais moral. Renovou o seu vínculo por dois anos, mostrou um grande futebol e foi longe em todas as competições que disputou em 2017.

O seu vínculo com o alvinegro é válido até dezembro de 2018 e a sua multa rescisória é de 20 milhões de reais, mas apenas 40% desse valor, ou seja, 8 milhões de reais, iriam para os cofres botafoguenses em caso de uma negociação.

Não perca a nossa página no Facebook!
Leia tudo