O Palmeiras [VIDEO] enfrenta o Atlético Paranaense neste domingo pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Após a partida, os atletas serão liberados para as férias e devem curtir com suas famílias os dias de folga. A reapresentação ainda não tem data marcada para acontecer.

A certeza que o clube tem é que em janeiro se apresentam Lucas Lima, meia que era do Santos, Emerson Santos, ex-Botafogo e Diogo Barbosa, ex-Cruzeiro. Por enquanto são os únicos reforços fechados e confirmados pela atual gestão.

Alexandre Mattos, executivo de Futebol, deve aproveitar a estadia no Paraná para assinar com o goleiro Weverton, do Atlético Paranaense.

O executivo quer mais um goleiro para evitar problemas com lesão. Tanto Fernando Prass quanto Jaílson já se machucaram com certa gravidade. Recorrer para um goleiro Campeão Olímpico foi a alternativa palmeirense do momento.

Livre para assinar

O lateral Zeca, do Santos, teve sua rescisão confirmada na tarde desta sexta-feira. O jogador entrou na Justiça para rescindir com os santistas e conseguiu. Livre, já pode assinar contrato com qualquer equipe.

O Santos, por sua vez, deve entrar com processo judicial para pedir valores sobre a possível transferência do atleta. O Palmeiras está de olho. Alexandre Mattos já dialogou com o presidente do Santos, Modesto Roma Junior, e iniciou o processo.

O único obstáculo é proposta que veio do exterior. Não se sabe precisamente de onde, mas Zeca tem na mão uma carta com valores altos para atuar fora do país.

Pode ser uma boa oportunidade de fazer o 'pé de meia'.

No entanto, permanecer no Brasil e disputar a Libertadores pelo Verdão pode abrir portas futuras na seleção brasileira. Zeca foi um dos grandes destaques do time do Santos na temporada e chamou a atenção de Tite, que gostaria de ver continuidade no desempenho do jogador.

Para a posição, o técnico Roger Machado terá Michel Bastos, que vai permanecer no elenco, Diogo Barbosa, que veio do Cruzeiro, e ainda existe a possibilidade de 'repatriar' o lateral Victor Luís, que está no Botafogo-RJ mas tem passe preso ao Verdão. Zeca, portanto, pode ser a quarta possibilidade no time titular dependendo da situação e do momento.

O Palmeiras quer montar um time forte e competitivo para 2018 e, para isso, conta com o apoio da Crefisa/FAM. Por Dudu, por exemplo, o Palmeiras já negou propostas de R$ 50 milhões. Tudo para manter a espinha dorsal do grupo para a próxima temporada.