Com a temporada de 2018 se aproximando, os clubes começam a analisar o Mercado da bola com a intenção de fazer novas contratações. Sendo assim, o Corinthians tenta se antecipar aos seus rivais e trazer reforços para a equipe de Fábio Carille.

Neste ano, o clube do Parque São Jorge não fez contratações de peso, mas, mesmo assim, conseguiu ganhar duas competições: Paulistão e Campeonato Brasileiro. Em 2018 não será diferente.

Sem muito dinheiro para fazer altos investimentos em novos reforços, a diretoria do Timão analisa o mercado com muita cautela. No entanto, estima-se que apenas jogadores pontuais serão contratados ao longo da janela de transferências.

A intenção do Corinthians é anunciar novos atletas de forma antecipada, mas a situação financeira complica a busca por reforços. Desta forma, a maioria das contratações devem ser feitas no início da próxima temporada.

Vale destacar que o Timão não agitou muito o mercado da bola neste final de ano. Até o momento, o clube anunciou apenas a chegada do atacante Júnior Dutra, que atuou pelo Avaí em 2017.

Para 2018, o clube do Parque São Jorge quer reforçar praticamente todos os setores, pois a intenção de Fábio Carille e montar um elenco de muitos atletas e com um nível parecido, já que o Timão disputará muitas competições ao longo do ano.

Portanto, o que mais preocupa no Corinthians é o setor defensivo, que sofreu duas perdas importantes: o lateral-esquerdo Guilherme Arana e o zagueiro Pablo.

Para a zaga, a alta cúpula alvinegra está analisando o mercado sul-americano, pois o clube encontrou dificuldades no Brasil para encontrar um atleta que tenha perfil parecido com o de Pablo.

De fato, o Timão vai anunciar um novo zagueiro para o elenco de Fábio Carille, mas a procura está sendo realizada sob os cuidados do Cifut, pois a direção do clube quer um beque com potencial de revenda e jovem.

"Queremos um jogador que chegue e jogue, mais novo e com velocidade. A comissão técnica quer um atleta parecido com o perfil de Felipe ou um jogador mais cascudo", argumentou o presidente Roberto de Andrade, que citou o ex-corintiano Felipe, hoje no Porto, de Portugal.

O presidente do Timão também comentou que dois nomes já foram cogitados para reforçar o clube em 2018. Trata-se de Henrique, do Fluminense, e Marllon, que atuou pela Ponte Preta em 2017.

O Corinthians começou a vasculhar o mercado da bola da América do Sul devido aos altos valores dos atletas brasileiros. Sendo assim, o clube acredita que pode encontrar jogadores mais baratos em outros países.

Leia também

Mercado da bola: Corinthians tem interesse em três atacantes e dois zagueiros [VIDEO]

Mercado da bola: Corinthians pode fazer contratação de peso [VIDEO]